PUBLICIDADE

Estátua de menina se afogando causa comoção em Bilbao

O artista hiperrealista mexicano Ruben Orozco criou a figura enigmática, batizada de 'Bihar'

28 set 2021 12h06
| atualizado às 12h11
ver comentários
Publicidade
Escultura de menina se afogando no rio Nervión, em Bilbao, na Espanha
27/09/2021 REUTERS/Vincent West
Escultura de menina se afogando no rio Nervión, em Bilbao, na Espanha 27/09/2021 REUTERS/Vincent West
Foto: Reuters

Olhando impassivelmente das águas turvas do Rio Nervión, o rosto sinistramente realista de uma menina se afogando na maré está perturbando os moradores da cidade espanhola de Bilbao desde que ela apareceu sem aviso na semana passada.

O artista hiperrealista mexicano Ruben Orozco criou a figura enigmática, batizada de 'Bihar' ('Amanhã' em basco), para uma campanha da BBK Foundation, a filial de caridade do banco de empréstimos espanhol Kutxabank, para estimular um debate sobre a sustentabilidade.

O objetivo é conscientizar as pessoas de que "suas ações podem nos afundar ou nos manter à tona", disse Orozco ao site de notícias espanhol Nius.

À medida que as marés sobem e descem, a figura de fibra de vidro de 120 quilos submerge e reaparece a cada dia, o que o BBK disse ser um reflexo do que poderia acontecer "se continuarmos a apostar em modelos insustentáveis", como aqueles que contribuem para a mudança climática.

Os moradores de Bilbao descobriram a instalação na quinta-feira. Ela foi levada de barco para o rio perto do centro da cidade na calada da noite.

"No começo, me deu uma sensação de estresse, quando mais do rosto estava fora da água, mas agora, para mim, ela transmite tristeza, muita tristeza", disse a visitante Triana Gil.

Outra observadora que se identificou como Maria pensou inicialmente que a escultura fosse uma homenagem a um acontecimento trágico. "Soube hoje que não trata disso, mas acho que cada pessoa pode dar seu próprio significado a ela", opinou.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Publicidade
Publicidade