PUBLICIDADE

Obama diz que discutiu com Putin solução diplomática para Síria

Presidente americano concedeu seis entrevistas nesta segunda-feira para falar sobre a Síria

9 set 2013 19h37
| atualizado às 20h31
ver comentários
Publicidade
<p>Presidente norte-americano durante G20 na Rússia</p>
Presidente norte-americano durante G20 na Rússia
Foto: Kevin Lamarque / Reuters

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, discutiu uma potencial solução diplomática para a Síria com o presidente russo, Vladimir Putin, quando se encontraram na semana passada para falar da crise durante a cúpula do G20, disse em entrevista ao programa PBS NewsHour nesta segunda-feira.

"Eu tive essas conversas. E essa é uma continuação das conversas que tive com o presidente Putin por algum tempo", disse Obama em entrevista, uma de seis que ele concedeu às principais emissoras de TV do país.

Obama disse que a oferta da Rússia de trabalhar com a Síria para colocar o arsenal químico sírio sob controle internacional é potencialmente positiva, mas deve ser tratada com ceticismo.

"Acho que inicialmente você tem que considerá-la com ceticismo", disse ele em entrevista ao programa NBC Nightly News. "Isso representa um desdobramento potencialmente positivo", disse o presidente, acrescentando que o secretário de Estado, John Kerry, vai explorar com a Rússia quão séria é esta oferta.

Obama falou em uma das seis entrevistas que deu nesta segunda-feira para defender que o Congresso lhe dê autorização para tomar ações contra a Síria em resposta a um suposto ataque químico no dia 21 de agosto que matou mais de 1.400 pessoas.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Publicidade
Publicidade