3 eventos ao vivo

Explosão mata 2 policiais no 1º dia da eleição na Índia

Os agentes morreram quando tentavam desativar uma bomba no distrito de Aurangabad, a 150 km da capital do estado de Bihar; outras 9 pessoas ficaram feridas

7 abr 2014
13h50
atualizado às 14h02
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator
<p>Ferido em explosão é socorrido em hospital de Aurangabad, em 7 de abril</p>
Ferido em explosão é socorrido em hospital de Aurangabad, em 7 de abril
Foto: AFP

Uma explosão matou dois policiais nesta segunda-feira na região norte da Índia, no dia do início das eleições nacionais no país, que é considerado a maior democracia do mundo, com um grande esquema de segurança.

Os agentes morreram na explosão de uma bomba que eles tentavam desativar no distrito de Aurangabad, a 150 km da capital do estado de Bihar, Patna. A região da explosão é conhecida pela rebelião maoísta.

O ataque também deixou nove feridos. A polícia de Bihar suspeita de uma ação maoísta, mas até o momento nenhum grupo reivindicou o ataque.

A polícia também desconfia de uma tática para prejudicar a votação em Bihar, que deve começar apenas na quinta-feira.

Os extremistas convocaram um boicote da eleição, que acontecem em nove fases em todo o país. A maratona eleitoral terminará apenas em 12 de maio.

Os insurgentes maoístas exigem terras e trabalhos para a população mais pobre. Também defendem uma sociedade comunista, com críticas ao que chamam de forma de governo "semicolonial" e "semifeudal" da Índia.

Saiba mais: Eleições na Índia: o que muda com com a vitória da oposição?

Veja também:

Sobreviventes são resgatados de prédio que caiu na Índia
AFP Todos os direitos de reprodução e representação reservados. 
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade