PUBLICIDADE

Datafolha e Ipec divulgam última pesquisa eleitoral neste sábado

Levantamentos buscam retratar o cenário das eleições na véspera do primeiro turno, neste domingo, 2

30 set 2022 - 18h39
(atualizado às 18h46)
Compartilhar
Exibir comentários
O ex-presidente Lula e o presidente Bolsonaro lideram as pesquisas de intenção de voto
O ex-presidente Lula e o presidente Bolsonaro lideram as pesquisas de intenção de voto
Foto: Poder360

Às vésperas do primeiro turno da eleição presidencial, novas pesquisas eleitorais do Ipec e Datafolha são esperadas neste sábado, 1º, a fim de retratar o cenário eleitoral e prever o resultado do pleito. De acordo com os levantamentos feitos pelos institutos de pesquisa na última semana, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) está na frente da corrida presidencial com o maior percentual de intenções de votos, seguido do presidente e candidato à reeleição, Jair Bolsonaro (PL).

As pesquisas captam, com base em amostras, as tendências e propensões do eleitorado, e assim, forma-se um retrato mais apurado das urnas. Porém, as pesquisas não devem ser confundidas com os votos reais nas urnas.

Ipec

O Ipec deve divulgar uma nova pesquisa um dia antes da eleição. Segundo o último levantamento, divulgado na segunda-feira, 26, antes do último debate na TV Globo, Lula tinha 48% e Bolsonaro manteve os 31% das intenções de voto. O levantamento foi feito em parceria com a TV Globo e revelou estabilidade na disputa pela Presidência da República.

O levantamento mostrou que Lula seguia na liderança, sendo citado por 48% dos eleitores (era 47% no estudo divulgado na segunda-feira anterior, dia 19). Já Bolsonaro, permaneceu com 31% das menções. Com isso, Lula estava 17 pontos percentuais à frente de Bolsonaro.

Já o candidato Ciro Gomes (PDT) oscilou de 7% para 6% das menções, Simone Tebet (MDB) e Soraya Thronicke (União) permaneceram com os mesmos percentuais registrados anteriormente, 5% e 1%, respectivamente. O candidato Felipe d’Avila (Novo) também atingiu 1% das respostas (anteriormente não chegava a esse percentual). Léo Péricles (UP), Sofia Manzano (PCB), Vera (PSTU) e Padre Kelmon (PTB) são citados, mas novamente, não atingem 1% de menções, cada um. O nome de Constituinte Eymael (DC) constava no disco apresentado aos entrevistados, mas também não foi citado nessa pesquisa.

Eleitores que pretendem votar em branco ou anular seu voto totalizaram 4% (era 5%) e aqueles que não sabiam ou preferiram não opinar eram novamente 4%. Considerando a estabilidade do cenário e a margem de erro da pesquisa, Lula pode ter entre 46% e 50% das intenções de voto. Já as menções aos demais candidatos, somadas, ficam entre 46% e 42%. 

Dessa forma, ainda não é possível afirmar se o petista poderia ou não vencer a eleição no primeiro turno.

Segundo o Ipec, 83% dos eleitores brasileiros consideram definitiva sua decisão de voto, enquanto 17% ainda podem mudar de opinião.

Datafolha

A nova pesquisa do Datafolha deve ser divulgada neste sábado, 1º, véspera da eleição. Segundo o último levantamento, desta quinta-feira, 29, o ex-presidente Lula aparece com 50% dos votos válidos (contagem exclui brancos, nulos e indecisos). Já Bolsonaro soma 36%, Ciro Gomes aparece com 6%, Simone Tebet, 5%, e Soraya Thronicke, 1%.

O levantamento foi contratado pelo jornal Folha de S. Paulo e pela TV Globo. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. 

O cenário que contabiliza os votos válidos, que não leva em consideração os votos brancos, nulos e os eleitores indecisos, é o mesmo procedimento utilizado pela Justiça Eleitoral para divulgar o resultado da eleição. A apuração e divulgação do resultado oficial das eleições realizada pela Justiça Eleitoral considera somente os votos válidos.

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
Publicidade
Publicidade