3 eventos ao vivo

Rede de clínicas odontológicas registra mês com maior faturamento de sua história

6 ago 2020
10h51
atualizado às 12h01
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

A crise causada pelo novo Coronavírus (covid-19) tem assombrado as empresas do Brasil e do mundo, independentemente do setor ou segmento.O que mais se ouve falar é de uma recessão global causando inúmeras dificuldades financeiras, desempregos e muitos negócios ameaçados pela queda de faturamento. Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), mais 715 mil empresas encerraram as atividades em definitivo no período da pandemia, até a primeira quinzena de junho.  

Foto: Oral Sin Franchising / DINO

O momento não está sendo fácil para as empresas e empresários, salve algumas exceções. Uma delas, totalmente na contramão da crise, a Oral Sin Implantes teve em julho de 2020 o mês com maior faturamento em seus 16 anos de história. Depois de já ter superado as metas previstas para o primeiro semestre de 2020, a rede de clínicas Nº1 em implantes dentários do Brasil iniciou a segunda metade do ano faturando 121% acima da meta geral prevista para o respectivo mês.

De acordo com o cirurgião-dentista e diretor nacional de expansão da Oral Sin Implantes, Felipe Sapata, o modelo de negócio desenvolvido e proposto pela Oral Sin tem se mostrado a prova de crise. "Parecem números inimagináveis, mas essa é a realidade. Estamos muito felizes e orgulhosos pelo trabalho desempenhado, consolidando esse modelo de negócio como algo extremamente rentável e lucrativo", destacou o doutor.

No mês de julho ainda, além das unidades que bateram suas metas, algumas delas conseguiram superar todas as expectativas. "Tivemos franqueados que atingiram a super meta e até mesmo a mega meta. Ou seja, é uma performance incrível de todos, deixando nítido que as pessoas estão mais conscientes sobre a importância da nossa saúde. Isso só demonstra que o segmento é promissor, se tratando de algo resiliente e seguro mesmo em condições adversas", disse Felipe Sapata.

Novas clínicas inauguradas  

Além de registrar o mês com maior faturamento de sua história, julho também ficou marcado pela inauguração de cinco novas clínicas em diferentes cidades (Gramado, Santana do Livramento, Colombo, Bertioga e Barretos) e outros 15 novos projetos iniciados com o contrato já assinado. Atualmente são 280 unidades presente em todas as regiões do país.

O diretor nacional de expansão da Oral Sin está otimista quanto aos números. "O nosso planejamento inicial, lá no começo do ano, era chegar as 300 clínicas até o final de 2020. No entanto, em virtude dos resultados que estamos atingindo, esse número será bem maior", apontou. "A nossa expectativa também é que possamos bater outros recordes de faturamentos nos meses seguintes", projetou o diretor nacional de expansão da Oral Sin Implantes.

Geração de empregos

Ao contrário da onda de desemprego que vem assolando o país, o número de empregos gerados pela Oral Sin só aumenta. A rede de clínicas Nº1 em implantes dentários do Brasil conta hoje com aproximadamente dez mil colaboradores diretos e indiretos. "A tendência é ampliar ainda mais o quadro de colaboradores, já que a previsão é inaugurar mais clínicas nos próximos meses", disse o doutor. "Certamente é a família que mais cresce no país", apontou Felipe Sapata.



Website: https://info.franquias.oralsin.com.br/modelo-de-negocio

Veja também:

A igreja que conecta fiéis a Deus com a ajuda do álcool
DINO Este é um conteúdo comercial divulgado pela empresa Dino e não é de responsabilidade do Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade