PUBLICIDADE

Fundo de ações investe em empresas que têm relação com os BRICS no mundo inteiro

FCL Opportunities avalia gestão e mercados para descobrir preços defasados

15 jan 2019 18h51
ver comentários
Publicidade

O anúncio da Oferta Pública Inicial (IPO, na sigla em inglês) do frigorífico brasileiro Minerva Foods para o primeiro semestre de 2019, na bolsa do Chile, é uma excelente notícia para a gestora de recursos FCL Capital, mas não chega a ser uma surpresa. A casa independente tem posições do fabricante de carnes há mais de cinco anos e acompanha cada passo da empresa e dos mercados em que atua. A previsão da gestora é que o IPO tenha uma influência positiva no fundo de ações FCL Opportunities, que aplica nas bolsas globais e alcançou rentabilidade de 46% em seus primeiros 18 meses. Gerido por Fernando Araújo, este é o primeiro produto com foco em ações no exterior da FCL Capital - casa com sete anos de mercado e que tem atualmente R$ 35 milhões sob sua gestão. 

Foto: Fundo de Investimento Global / DINO

Um fundo com forte atuação internacional sempre foi um dos objetivos do gestor, que começou sua carreira no mercado financeiro com um Clube de Investimentos, em 2007, com patrimônio de R$ 500 mil. O clube, que chegou a alcançar rentabilidade de mais de 200% em seus primeiros anos, foi encerrado em 2012, pois, na sequência, a FCL Capital lançou o fundo FCL Equities, com patrimônio de R$ 6 milhões. Em cinco anos, este fundo obteve boa performance em um período de baixo crescimento e até recessão da economia brasileira.

"A mudança implementada pela Comissão de Valores Mobiliários, liberando fundos nacionais para aplicações no exterior, desde que acessíveis apenas a investidores qualificados, foi um divisor de águas para a FCL Capital, que pode concretizar um sonho, de criar um fundo de investimentos voltado para as bolsas internacionais. A partir daí, começamos a estudar a fundo empresas do mundo inteiro, o que abre infinitas possibilidades de encontrar papéis com grande potencial de valorização a longo prazo, que é nossa maior fonte de ganho de capital", explica Fernando Araújo.

Com foco em companhias que atuam ou têm alguma relação com os mercados dos BRICS - grupo que reúne Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul - o FCL Opportunities aplica principalmente nas bolsas de Estados Unidos, Europa e Ásia, além da Bovespa. Com perfil fundamentalista, analisa o modelo de negócio da empresa, sua gestão, o segmento em que está inserida e, diante disso, qual seu potencial de expansão. Algumas ações atualmente na carteira do fundo são VIP Shop, terceiro maior portal de vendas da China, Match Group, dono de aplicativos de relacionamento, dentre eles o Tinder, Dufry, líder global em varejo de viagem, Anta, maior empresa de produtos esportivos da China, entre outros.

"Escolhemos trabalhar com empresas relacionadas aos BRICs porque viemos de uma economia emergente, entendemos as principais necessidades destes mercados e temos um olhar mais aguçado para reconhecer boas oportunidades. No Brasil, compramos deficiências: a universidade Estácio, por exemplo, tem grande potencial de longo prazo num país com baixa escolaridade, assim como o laboratório Fleury pode crescer diante de uma população que está envelhecendo. Já na China e na Índia, a tendência de enriquecimento da população nos faz procurar ações ligadas ao consumo. A Rússia, país com recursos naturais abundantes, é um mercado barato que tende a corrigir a defasagem em relação aos múltiplos de outros países", detalha Fernando Araújo.

Para o gestor da FCL Capital, estudar uma companhia e avaliar como ela se encaixa em seu mercado para detectar se há espaço para valorização dos papeis é o método mais natural. Integrante da terceira geração de uma empresa familiar, Fernando Araújo teve uma formação na economia real, analisando negócios, conversando com os departamentos financeiros das empresas. "Também é muito importante refletir sobre como se pode agregar valor à cadeia. Nesse ponto, o foco nos BRICs faz muito sentido para nós, pois são mercados menos eficientes e com menos analistas: ou seja, temos muito mais chance de descobrir uma excelente oportunidade que ninguém tenha percebido ainda", completa.

Os principais objetivos do FCL Opportunities são oferecer retorno consistente composto em dólar, sempre visando o longo prazo, além de multiplicar o capital, protegendo o patrimônio dos acionistas. Ao longo de sua trajetória, os produtos financeiros geridos pela FCL Capital caíram menos que a bolsas durante períodos de recessão.



Website: http://fclcapital.com/pt/inicio/

DINO Este é um conteúdo comercial divulgado pela empresa Dino e não é de responsabilidade do Terra
Publicidade
Publicidade