3 eventos ao vivo

Abastecimento de hospitais e clínicas é destaque da InterPlayers, superando R$ 2 bilhões trafegados por ano

Com um valor trafegado superando R$ 2 bilhões por ano em 76 mil pedidos realizados no mesmo período, a InterPlayers se destaca por cumprir prazos de entrega muito baixos, pelo atendimento de pedidos de abastecimento das clínicas e dos hospitais, por conexão imediata com distribuidores, especialmente para medicamentos de alto custo focados em doenças raras, oncologia, entre outros.

2 abr 2021
10h47
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O abastecimento de medicamentos em hospitais precisa, em primeiro lugar, de excelente logística. O elevado custo e a diversidade dos medicamentos impõem baixos estoques nas pontas e com isto, a velocidade e qualidade de abastecimento são vitais para que um determinado medicamento chegue ao hospital ou clínica num cronograma orquestrado com o paciente. "Em diversas situações, o paciente precisa se deslocar até o hospital ou até mesmo está internado aguardando a chegada do medicamento para o cumprimento do procedimento", comenta Jose Ricardo, fundador da Entire e da DNA Specialty, business partner da Interplayers, especializado neste setor.

Para quem está em São Paulo, tudo é mais simples - está muito mais à mão do paciente do que em locais mais longínquos do país, onde o paciente precisa se deslocar muitas vezes até cinco horas para tomar uma medicação. Isso quer dizer que a logística deve ser bem preparada, caso contrário o paciente deixa de fazer o tratamento.

A plataforma guarda todas as informações necessárias para clínicas e hospitais. "Cada posto de saúde, clínica e hospital tem uma capacidade de armazenamento de medicamentos, e os de alto custo não ficam durante muito tempo estocados, pois, além de serem caríssimos, precisam de armazenamento específico. É por isso que a logística precisa estar ajustada adequadamente", afirma José Ricardo.

Com o avanço da medicina, os novos medicamentos são muito mais especializados e apresentam valor mais alto, levando a novos cenários. O abastecimento no hospital é uma demanda importante, mas depois de uma alta, o paciente continua sob cuidados, podendo ter seu atendimento em clinicas para uma infusão, por exemplo. E da mesma forma, a clínica requer um nível de serviço tão elevado quanto o do hospital.

E o processo não para aí, há ainda os Programas de Suporte ao Paciente, que acompanham o paciente em sua residência, muitas vezes com entrega dos produtos em domicílio e acompanhamento de profissionais na modalidade home care.

Veja também:

Câmera de segurança registra homem furtando veículo na Rua Manaus em Cascavel
DINO Este é um conteúdo comercial divulgado pela empresa Dino e não é de responsabilidade do Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade