0

Chuva mantém bom desenvolvimento das lavouras

Não há risco para quebra do potencial produtivo

8 dez 2017
14h45
  • separator
  • comentários

A presença de áreas de instabilidade sobre a metade norte do Brasil mantém o tempo instável ao longo desta sexta-feira, com possibilidade de chuva a qualquer hora do dia. Pode chover acima da média em grande parte dos estados de Mato Grosso, Goiás, Minas Gerais, Rondônia e em praticamente toda a região do Maranhão, Tocantins, Piauí, Bahia e Pará. Em muitas dessas localidades, os acumulados de chuvas poderão superar os 150 mm ao longo da semana que vem, o que pode causar transtornos.

No Sul e em boa parte de São Paulo e do Mato Grosso do Sul, o final de semana será de sol e pouca chuva, uma vez que o corredor de umidade estará direcionado à região norte do Brasil. Mesmo assim, as condições ainda se manterão bastante favoráveis ao desenvolvimento das lavouras. Os corredores de umidade devem voltar a ficar mais concentrados sobre a metade sul do país apenas na segunda quinzena de dezembro, levando, novamente, chuvas mais regulares sobre grande parte das regiões produtoras do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo e ao Mato Grosso do Sul.

Vale ressaltar que não há previsão de nenhuma grande anomalia climática durante o mês que possa ocasionar prejuízos/quebras no potencial produtivo das lavouras.

Argentina 

Na Argentina, a semana termina com tempo aberto e sem previsão de chuva generalizada. As pancadas de chuvas só devem ocorrer durante os próximos cinco dias e de forma irregular, o que poderá pausar o plantio da soja em diversas localidades, mas sem causar danos ao potencial produtivo das lavouras já semeadas. As chuvas volumosas e generalizadas só devem retornar às principais regiões produtoras de grãos do país após o dia 18/12. Isso deve elevar os níveis de umidade do solo, garantir boas condições ao avanço do plantio e, sobretudo, ao desenvolvimento das lavouras.

Acompanhe no Blog do Agroclimapro outras análises agro

Para saber maiores informações de como se planejar com antecedência e tornar o clima seu grande aliado basta consultar www.agroclimapro.com.br

Veja como a informação meteorológica pode ajudar a tomar a decisão dentro do campo:

Colaborou neste texto a estagiária Amanda Sampaio

Climatempo

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade