3 eventos ao vivo

Chuva ainda cai volumosa sobre Minas Gerais até o domingo

Com os grandes volumes acumulados esta semana, rios podem subir mais nas próximas 48 horas.

7 dez 2017
12h33
  • separator
  • 0
  • comentários

A Defesa Civil de Minas Gerais já contabilizou três vítimas fatais no estado por causa da chuvarada do começo de dezembro. As mortes ocorreram em Perdizes, Ribeirão da Neves e Urucânia.

A região do município de Rio Casca, que foi invadida por pelas águas e lama do rio de mesmo nome que corta a cidade, permanecia nublada na manhã desta quinta-feira, mas praticamente sem chuva. Porém, a previsão é de que volte a chover no decorrer do dia e não se pode descartar o risco de chuva moderada a forte em algum momento.

As áreas de instabilidade que estão sobre Minas Gerais provocam chuva moderada a forte desde a noite de ontem na porção oeste do estado. A madrugada desta quinta-feira foi com muita chuva em Ituiutaba, Guarda-Mor e Três Marias

O tempo segue instável em Minas Gerais nesta quinta-feira, com risco de chuva moderada a forte em quase todo estado. Não deve chover forte na Zona da Mata. A chuva é mais persistente no Triângulo, no Alto Paranaíba e no Noroeste Mineiro. Pode chover forte novamente em áreas da Grande Belo Horizonte.

Foto: Climatempo

Foto: Rio Casca (MG), Defesa Civil de MG

Foto: Climatempo

Foto: Rio Casca (MG), Defesa Civil de MG

Pancadas de chuva muito fortes caíram sobre diversos locais do centro-oeste de Minas Gerais na tarde e noite desta quarta-feira deixando grandes acumulados de água em pouco tempo.

Em Florestal,  o Instituto Nacional de Meteorologia registrou 46,6 mm em apenas 1 hora, entre 18 e 19 horas. O acumulado de 2 horas chegou a quase 57 mm. Voltou a chover com moderada a forte intensidade na noite dasta quarta-feira na região de São João Del Rei.

Em Campina Verde, onde choveu muito no início da semana, foram registrados 33,8 mm entre 18 e 19 horas. Durante a madrugada, a chuva caiu muito forte em Pompéu acumulando quase 82 mm em apenas 2 horas. A região de Patos de Minas e também de Uberlândia tiveram chuva forte na madrugada de ontem

Acompanhe o movimento das nuvens carregadas pelas imagens de satélite.

Mais chuva até o domingo

O estado de Minas Gerais permanece em alerta para mais chuva forte pelo menos até o domingo. Muita chuva está sendo esperada especialmente para esta sexta-feira, 8 de dezembro, sobre o oeste e o norte de Minas Gerais. Deve chover muito na região do Vale do Jequitinhonha. Mesmo com a expectativa de maiores períodos com sol no fim de semana, o risco de fortes pancadas de chuva ainda é alto, inclusive sobre a Grande Belo Horizonte e em áreas que já estão sofrendo enchentes, como a Zona da Mata Mineira e o Vale do Rio Doce, que receberam grandes volumes de chuva no começo da semana.

Segundo o Serviço Geológico do Brasil, a bacia do Rio Doce Rio voltou para a situação de atenção nesta quinta-feira.  No dia 6 de dezenbro, o Doce atingiu a cota de alerta em Governado Valadares. Às 21h15 de 6/12/17, a cota era de 3,26 metros. A cota de alerta é de 3,20 metros e a cota de transbordamento é de 3,60 metros.

A bacia do rio Muriaé também baixou e voltou para a situação de atenção nesta quinta-feira. A cota de alerta (4,50 metros) em Patrocínio de Muriaé foi atingida no dia 5, mas o rio voltou a baixar. Na região dos municípios fluminenses de Porciúncula e de Itaperuna, o nível do rio Muriaé oscilava entre as cotas de alerta e de atenção por volta das 21 horas de 6 de dezembro. 

Foto: Rio Casca (MG), Defesa Civil de MG

O seu vídeo pode ser divulgado no nosso canal do Youtube, no site e nas redes sociais. É só gravar a condição do tempo e mandar para o nosso Whatsapp: 11 9 9420-7548.

Climatempo
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade