0

Ministro diz que maioria das praias de PE está apta para banho, mas não detalha critérios técnicos

Marcelo Álvaro Antônio ainda prometeu R$ 200 milhões para pequenos e médios empresários do turismo que tenham sido prejudicados; ele negou lentidão do governo na limpeza

25 out 2019
21h44
atualizado às 21h47
  • separator
  • 0
  • comentários

RECIFE- O ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, disse que a maioria das praias de Pernambuco está apta para banho, apesar do avanço da mancha de óleo pelo Estado. A afirmação foi dada por ele após visitar praia afetadas pelo poluente em Ipojuca, na Grande Recife. O ministro ainda prometeu R$ 200 milhões em linha de crédito para capital de giro para pequenos e médios empresários que se sentirem prejudicados.

"Menos de 10% das praias de Pernambuco foram impactadas pelo óleo, com total condição de receber os turistas. Mesmo nas praias impactadas, existe, sim, a possibilidade de turismo", disse. No Estado, são 10 cidades atingidas pela substância até o momento. Segundo o Ibama, ligado ao Ministério do Meio Ambiente, há 228 localidades onde houve registro do material.

Questionado sobre os critérios técnicos para afirmar sobre a balneabilidade de praias, o titular da pasta foi evasivo e disse seguir recomendação de órgãos oficiais. "O Ministério da Saúde e a Secretaria Estadual de Saúde, os órgãos mais indicados para dizer isto: que as praias que não têm aparentemente óleo estão limpas, estão aptas para o banho", afirmou Antônio.

Ele ainda negou morosidade do governo na limpeza das praias e prometeu unir esforços do poder público e da sociedade civil para minimizar os efeitos do problema.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade