10 eventos ao vivo

Acidente com ônibus de estudantes deixa 11 mortos em SP

Veículo foi alugado por uma escola de Borborema para uma excursão de alunos e professores até a capital paulista

28 out 2014
06h34
atualizado às 15h02
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Pelo menos 11 pessoas morreram em decorrência de um grave acidente envolvendo um ônibus que transportava alunos de uma escola e um caminhão, no interior de São Paulo. A colisão ocorreu na rodovia Leônidas Pacheco Ferreira, em Ibitinga, no fim da noite desta segunda-feira.

Até o início da manhã, a Polícia Rodoviária havia confirmado a morte de 10 pessoas, mas um corpo foi encontrado durante a retirada do caminhão pela equipe de limpeza. Segundo a polícia, o 11º corpo estava carbonizado. Entre as vítimas, seis são alunos.

Dos 44 ocupantes do ônibus, 16 foram encaminhados para o hospital em estado grave e 14 tiveram ferimentos leves. O ônibus foi alugado por uma escola de Borborema para transportar alunos e professores até a capital paulista para atividades culturais.

O acidente aconteceu no retorno dos estudantes, por volta das 23h30. O ônibus bateu em uma carreta tanque carregada de óleo vegetal, na altura do quilômetro 368 da rodovia. O motorista do ônibus teve ferimentos leves e o da carreta está em estado grave. As vítimas foram encaminhas aos hospitais de Ibitinga e Borborema. 

Das vítimas encaminhadas para hospitais, três continuam na UTI da Santa Casa de Ibitinga em estado grave. Cerca de 10 foram atendidas no Hospital São Sebastião de Borborema com ferimentos leves, mas já foram liberadas.

Segundo o médico responsável pelos atendimentos na Santa Casa de Ibitinga, Marcel Pinto da Costa, os estudantes Leonardo Marques Gonçalves, Leticia da Silva Pinto e Larissa Souza Bottacini tiveram múltiplos traumas e seguem internados na UTI em estado grave. Outras nove pessoas estão em observação, porém o estado de saúde delas é considerado estável. De acordo com o médico, elas tiveram escoriações e queimaduras pequenas e serão submetidas a novos exames para acompanhamento do estado de saúde.

Estrada teve o tráfego interrompido por causa do acidente
Estrada teve o tráfego interrompido por causa do acidente
Foto: Marcos Rhivera e Lucian Ticianell/ Portal Ternura FM / Reprodução

Por conta do óleo vegetal derramado na pista, serragem foi espalhada na via para evitar qualquer tipo de acidente. Porém, segundo funcionários do Departamento de Estradas e Rodagens (DER), a serragem não tem sido suficiente para tirar o óleo da pista.

Não há previsão de liberação do tráfego e um longo congestionamento se formou, já que as duas pistas estão bloqueadas para o trânsito. Alguns motoristas seguem por um desvio feito por uma estrada de terra. 

Os corpos já foram periciados pelo IML de Araraquara (SP) e liberados para a funerária que agora trabalha na reparação facial das vítimas. O proprietário da funerária, Valnei Salvador, diz que as equipes trabalham para que não seja preciso lacrar os caixões e as famílias possam se despedir das vítimas. A previsão é que todos os corpos sejam liberados às 15h. A viagem de Araraquara até Borborema é de cerca de uma hora.

Acidente entre ônibus e caminhão mata estudantes em Ibitinga

Viagem interrompida
O grupo de alunos do ensino médio e de professores saiu de Borborema à 0h45 desta segunda-feira com destino à capital paulista. Eles foram assistir a um concerto da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo (Osesp) e depois foram para o Aquário da cidade.

Depois do passeio, o grupo retornava a Borborema quando o acidente aconteceu. O primeiro ônibus chegou à cidade por volta de 23h e o segundo às 23h45. O ônibus acidentado era o terceiro da frota.

<p>Caminhão ficou destruído com acidente</p>
Caminhão ficou destruído com acidente
Foto: Portal Ternura FM / Reprodução

“No começo da viagem estávamos próximos. Mas, como tivemos que parar para abastecer, acabamos nos distanciando. Depois que dois ônibus chegaram e o terceiro não, começamos a ficar preocupados. Foi quando o motorista do ônibus onde eu estava recebeu uma ligação do outro motorista avisando sobre o acidente. Pegamos o carro e fomos ver o que tinha acontecido. Foi um desespero. A polícia não deixou a gente chegar muito perto. Então fomos ao Pronto Socorro. Lá ouvíamos que ‘quem não estivesse aqui é porque estava morto’. Estamos muito tristes. A cidade está em luto”, disse a professora Vilma Benvindo de Camargo.

A prefeitura do município de Borborema decretou luto oficial por três dias e as aulas foram suspensas na escola, única de ensino médio na cidade, e nas demais. Os corpos foram encaminhados ao Instituto Médico Legal de Araraquara (SP).

Por meio de nota, a Secretaria Estadual de Educação informou que "lamenta profundamente" o acidente. Por causa do ocorrido, o secretário de Educação do Estado, Herman Voowald, se deslocou da capital para a cidade.

O governador Geraldo Alckmin também se manifestou por meio de comunicado. "Lamentamos profundamente o acidente de ônibus em Ibitinga na noite de ontem. Estamos com nossos esforços concentrados no socorro às vítimas e ajuda aos familiares. A Defesa Civil está lá desde ontem dando todo o suporte. A Secretaria de Segurança trabalha para apurar as causas do acidente e o secretário de Educação já está no local. Nossos sentimentos e orações a todos".

 

Vítimas

Por volta das 9h, a prefeitura de Borborema divulgou a lista com os nomes dos mortos no acidente:

Márcia Martins Carvalho Biasotto (Diretora Municipal de Cultura e Professora de Artes)

Roseneide Aparecida Casetta Montera (Professora)

Margarete Aparecida Lucas dos Santos (Professora)

Marisa Aparecida Mansano dos Santos (Diretora da EMEIF "Profª Ana Rosa")

Angelo Mateus Geraldo

Gabriela Cristina da Silva Rodrigues 

Nicanor de Freitas Junior

Taina Brenda Ferreira

Thayro Matheus da Silva Polimeno

Felipe Gonçalves Rossi

José Vinicius Francisco Anzolin

Foto: Arte Terra

Mortes em acidentes com ônibus Mortes em acidentes com ônibus

Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade