Política

Deputada tem mandato cassado após gastar verba eleitoral com harmonização facial

20 jun 2024 - 14h33
(atualizado às 14h42)
Compartilhar

O mandato de Silvia Waiãpi (PL-AP) foi cassado pelo Tribunal Regional Eleitoral do Amapá (TRE-AP) nesta quarta-feira, 19. Os desembargadores rejeitaram a prestação de contas da parlamentar, que teria utilizado verba pública de campanha para realizar uma harmonização facial durante as eleições de 2022. Segundo o Ministério Público Eleitoral (MPE), a deputada teria gastado R$ 9 mil em um consultório odontológico em Macapá. Ação ainda cabe recurso. A deputada indígena apoiadora do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) obteve 5.435 votos (1,28%), sendo eleita por média.

Reprodução/ silviawaiapi/ Instagram 

Reprodução/ TV Câmara/ YouTube

Fonte: Redação Terra
Publicidade
Seu Terra












Publicidade