PUBLICIDADE

CPI da Covid aprova relatório com indiciamento de Bolsonaro

O relatório do senador Renan Calheiros (MDB-AL) que implica o presidente e diversas pessoas ligadas a ele foi aprovado por 7 votos a 4

26 out 2021 20h36
| atualizado às 20h41
ver comentários
Publicidade

A CPI da Covid do Senado aprovou, nesta terça-feira, o relatório final em que aponta o presidente Jair Bolsonaro como o principal responsável por erros na condução da pandemia do país, que levou a mais de 600 mil mortes, sugerindo o indiciamento dele por nove crimes.

O relatório do senador Renan Calheiros (MDB-AL) que implica o presidente e diversas pessoas ligadas a ele dentro e fora do governo foi aprovado por 7 votos a favor e 4 contra. Além de Bolsonaro, outras 77 pessoas físicas e duas empresas também foram alvos de pedidos de indiciamento.

Reunião da CPI da Covid
26/10/2021
REUTERS/Adriano Machado
Reunião da CPI da Covid 26/10/2021 REUTERS/Adriano Machado
Foto: Reuters

A conclusão dos trabalhos da CPI será remetida separadamente por diversos órgãos de investigação. No caso das suspeitas levantadas contra Bolsonaro, o colegiado deverá entregar para o procurador-geral da República, Augusto Aras, a quem cabe formalmente dar prosseguimento às investigações.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
Publicidade
Publicidade