0

18 dias após apagão, Bolsonaro embarca para o Amapá

A agenda do presidente prevê uma visita às subestações Santana e de Santa Rita, em Macapá

21 nov 2020
13h02
atualizado às 13h06
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O presidente Jair Bolsonaro embarcou há pouco para o Amapá, Estado que enfrenta uma crise no fornecimento de energia desde o dia 3 de novembro, quando um incêndio em um transformador deixou 14 das 16 cidades às escuras. A visita à capital Macapá atende a um convite do presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), que embarcou junto com Bolsonaro no início desta tarde.

Presidente Jair Bolsonaro antes de cerimônia no Palácio do Planalto
17/11/2020 REUTERS/Adriano Machado
Presidente Jair Bolsonaro antes de cerimônia no Palácio do Planalto 17/11/2020 REUTERS/Adriano Machado
Foto: Reuters

"Embarco agora ao Amapá, com o presidente @jairbolsonaro, para acompanhar o trabalho de restabelecimento da energia no Estado. Geradores da usina termoelétrica serão ativados. Soluções técnicas urgentes e trabalho em conjunto são necessários para devolver a luz aos amapaenses", postou o presidente do Senado há pouco no Twitter.

A agenda do presidente prevê uma visita às subestações Santana e de Santa Rita, em Macapá. Há expectativa de um pronunciamento oficial, às 17h, no aeroporto internacional de Macapá.

Veja também:

Barroso vê 'motivação política' em ataques contra TSE
Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade