PUBLICIDADE

RS: filha é acusada de mandar matar pai por R$ 300 mil

Crime foi registrado no interior da cidade de Bom Jesus

14 out 2016 15h00
| atualizado em 20/10/2016 às 15h32
ver comentários
Publicidade
Foto: Getty Images

Uma herança no valor de R$ 300 mil teria motivado uma filha a encomendar a morte do próprio pai em Bom Jesus, no Rio Grande do Sul. Ao ser presa, a mulher, de 38 anos, confessou, segundo a polícia, o envolvimento na morte de Demétrio Piardi da Silva, de 62, registrada ainda na manhã de quarta-feira no interior do município. O marido dela e uma terceira pessoa, suspeitas de terem executado o assassinato, também declararam participação na morte, segundo a polícia.

Conforme a Polícia Civil, Silva recebeu o dinheiro em decorrência de um processo, mas o valor seria quitado apenas no final do ano. Inicialmente, a filha possuía uma procuração para agir em nome do pai, mas recentemente a vítima revogou esse documento. Inconformada, ela e os comparsas teriam simulado um latrocínio para posteriormente entrar com pedido de herança, e assim receber o dinheiro. 

A arma usada para executar Demétrio foi encontrada na casa dos suspeitos. Eles foram encaminhados ao Presídio Estadual de Vacaria, nos Campos de Cima da Serra.

Fonte: Especial para Terra
Publicidade
Publicidade