0

Rio mantém restrição a shows e praias até 6 de outubro

Fica proibido ainda estacionamento de veículos particulares em toda a orla da cidade, nos fins de semana e feriados, para quem não é morador

19 set 2020
17h56
atualizado às 18h57
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O governo do Estado do Rio de Janeiro prorrogou até o dia 6 de outubro uma série de medidas restritivas à circulação de pessoas e aglomerações, para evitar a proliferação do coronavírus. Seguem suspensos eventos públicos, como shows, e a permanência em praias e lagoas.

Apesar do clima parcialmente nublado e da proibição de estacionar na orla, uma grande quantidade de pessoas vão a praia de Ipanema, no Rio de Janeiro (RJ), neste sábado (19).
Apesar do clima parcialmente nublado e da proibição de estacionar na orla, uma grande quantidade de pessoas vão a praia de Ipanema, no Rio de Janeiro (RJ), neste sábado (19).
Foto: Daniel Resende / Futura Press

Continua proibido também o estacionamento de veículos particulares em toda a orla da cidade do Rio, nos fins de semana e feriados, para quem não é morador.

A previsão de retorno às aulas em escolas da rede estadual e instituições de ensino superior será em 5 de outubro, como já tinha sido definido. Foi mantido ainda o horário de funcionamento de bares e restaurantes, até 1h, mas com o consumo de bebidas alcoólicas nas ruas e calçadas a partir das 22h.

Em nota, o governo do Estado informou que subiu de três para oito o número de regiões classificadas como de baixo risco para a doença: metropolitanas I e II, Baía da Ilha Grande, médio-paraíba, centro-sul, baixada litorânea, noroeste e serrana. Cerca de 94% da população fluminense vivem nestas regiões.

Veja também:

Flagrado com dinheiro na cueca, Chico Rodrigues pede afastamento do Senado por 90 dias
Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade