PUBLICIDADE

Forças de segurança se unem a torcidas organizadas do Paraná para ajudar RS

Adepol, em Curitiba, se tornou ponto de arrecadação. Nesta sexta-feira (17), houve entrega de doações

17 mai 2024 - 17h42
Compartilhar
Exibir comentários

Neste momento, com a situação em que o Rio Grande do Sul se encontra, toda união se faz importante. Foi pensando nisso que a Associação dos Delegados de Polícia do Estado do Paraná (Adepol) e a Delegacia Móvel de Atendimento a Futebol e Eventos (Demafe), se uniram a torcidas organizadas para arrecadar doações para o Estado vizinho. 

Foto: Marcelo Borges/Banda B. / Banda B

Nesta sexta-feira (17), houve entrega de doações. Adriano Chohfi, presidente da Adepol, disse que a sede da associação se transformou num ponto de arrecadação, e foi por isso que resolveram unir forças.

"Estamos acompanhando a situação do Rio Grande do Sul e nossos irmãos lá, precisamos participar dessa campanha e é isso que estamos fazendo. Tornamos a Adepol um local de arrecadação, nas Mercês, em Curitiba. Estamos trabalhando para arrecadar o maior número de donativos e mandar para lá para ajudar nossos companheiros lá"

disse Adriano Chohfi, presidente da Adepol.

Da Velha, superintendente da Damafe, delegacia que atua em todos os jogos e eventos de Curitiba, comentou que nesse momento, com o campeonato suspenso, as atenções se voltaram a quem está precisando.

"A Demafe se mobilizou internamente e pediu ajuda às torcidas organizadas, que atenderam nosso chamado. As torcidas organizadas também têm seu trabalho social. Como podemos ver, recebemos um volume grande de mantimentos, água. Todas as torcidas estão se mobilizando, porque existe uma torcida para o Rio Grande do Sul, nesse momento é isso que importa"

comentou Da Velha, superintendente da Damafe.
Foto: Marcelo Borges/Banda B. / Banda B

Nesta sexta-feira, participaram da entrega das doações torcedores do Coritiba. Adrian Makaiver, que faz parte do programa Força Coxa, do Youtube, levou as doações em parceria Escola Municipal Lina Moreira. 

"O objetivo é único e exclusivo em prol do próximo. O pessoal da Império intermediou o contato com a Demafe e a escola. Nós conseguimos colher o material para mandar até o Rio Grande do Sul. É bastante coisa, mas a parte do trabalho é uma benção, quanto mais a gente consegue ajudar o próximo, é esse o objetivo" 

disse Adrian Makaiver.

A sede da Adepol em Curitiba, para onde podem ser levadas as doações, fica na Rua Padre Agostinho, 850 - Mercês, em Curitiba.

Foto: Marcelo Borges/Banda B. / Banda B
Banda B
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade