Médico anestesista é preso por estupro durante cesárea no RJ

O médico anestesista Giovanni Quintella Bezerra foi preso em flagrante por estupro na madrugada desta segunda-feira, 11, em São João Meriti, no Rio de Janeiro. Ele é acusado de abusar de uma paciente durante uma cesárea no Hospital da Mulher, no município da Baixada Fluminense. Enfermeiras da unidade de saúde registraram o momento colocando um celular escondido na sala de parto após a equipe do hospital desconfiar do comportamento do médico, entre outros motivos, pela quantidade de sedativo que ele aplicava nas pacientes. Na terceira cesárea deste domingo, 10, a equipe do hospital inclusive trocou a sala de parto para conseguir registrar o crime e entregou o material para as autoridades, que realizaram a prisão do médico. Bezerra foi indiciado por estupro de vulnerável, cuja pena varia de 8 a 15 anos de prisão.

Fonte: Redação Terra
Publicidade

Vídeos relacionados

Recomendado para você

Publicidade