PUBLICIDADE

MP da Espanha pede 9 anos de prisão a Daniel Alves

Ex-jogador brasileiro é acusado de agressão sexual

23 nov 2023 - 13h19
(atualizado às 14h05)
Compartilhar
Exibir comentários
Daniel Alves, jogador de futebol
Daniel Alves, jogador de futebol
Foto: @instagram

O Ministério Público da Espanha pediu nesta quinta-feira (23) que o ex-jogador Daniel Alves seja condenado a nove anos de prisão por violência sexual.

O ex-lateral de Juventus e da seleção brasileira é acusado de ter agredido sexualmente uma mulher de 23 anos em dezembro, em Barcelona.

As autoridades do país ibérico também solicitaram que Dani Alves pague uma indenização de cerca de 150 mil euros (R$ 799 mil) para vítima, segundo a agência de notícias EFE.

Um tribunal de Barcelona enviou o ex-jogador a julgamento pela acusação de agressão sexual de uma jovem em uma boate na cidade catalã. A Justiça confirmou a ordem emitida em primeira instância.

A imprensa local já vinha cogitando que o lateral poderia pegar de oito a 10 anos de detenção. A data da audiência ainda não foi informada. Daniel Alves já teve três pedidos de liberdade negados. .

Ansa - Brasil   
Compartilhar
TAGS
Publicidade
Publicidade