PUBLICIDADE

Filha de Bruno Gagliasso receberá mais de meio milhão após ataques racistas

Vítima de xingamentos racistas, Titi Gagliasso deve receber fortuna após influenciadora ser condenada na Justiça

8 fev 2024 - 08h40
(atualizado às 09h32)
Compartilhar
Exibir comentários
A Justiça do Estado do Rio de Janeiro condenou a influenciadora Day McCarthy, que chamou a menina de 'macaca' em um vídeo
A Justiça do Estado do Rio de Janeiro condenou a influenciadora Day McCarthy, que chamou a menina de 'macaca' em um vídeo
Foto: Reprodução/Instagram / Márcia Piovesan

Titi Gagliasso, filha de Bruno Gagliasso e Giovanna Ewbank, foi vítima de ataques racista em 2017 e, após sete anos, receberá uma indenização. A Justiça do Estado do Rio de Janeiro condenou a influenciadora Day McCarthy, que chamou a menina de 'macaca' em um vídeo, a pagar mais de R$ 500 mil de indenização por danos morais.

7 tipos de racismo para não reproduzir 7 tipos de racismo para não reproduzir

Segundo o Notícias da TV, a sentença foi dada nesta terça-feira, 06/02, e nos documentos consta que o valor da sentença, assinada pelo juiz Leonardo Grandmasson Ferreira Chaves, da 32ª Vara Cível do Rio, é de R$ 180 mil. No entanto, o valor deve ser somado à quantia equivalente aos juros e correção monetária, ultrapassando meio milhão.

Como é detalhado no processo, o juiz apontou as falas de Day McCarthy como "conteúdo racista e são inaceitáveis", apontando que são "absolutamente abomináveis". Vale destacar que Dayane foi julgada à revelia, ou seja, não se defendeu perante ao juiz. A influenciadora more no exterior e a Justiça tentou contato diversas vezes, mas não tiveram sucesso.

Por fim, após a condenação, Day usou as redes sociais para comentar sobre o assunto, onde debochou da situação. "Estou condenada na esfera cível e não tenho nada a dizer, pois eu mandei até o juiz se f*der, pois eu não devo nada a vocês. Estou escrevendo uns raps maneiros para vocês, semana que vem eu vou gravar", ironizou.

Márcia Piovesan
Compartilhar
Publicidade
Publicidade