PUBLICIDADE
AO VIVO
Entenda o que pode mudar com a morte do presidente do Irã no Terra Agora

Família de Gabriela Medeiros, Buba em Renascer, não reagiu bem à transição de gênero: "Sofri o silenciamento"

A atriz revelou como foi a reação da família quando se revelou mulher trans e decidiu fazer a transição de gênero

19 abr 2024 - 08h21
(atualizado às 09h25)
Compartilhar
Exibir comentários
Antes da transição, Gabriela disse que sempre foi um desconforto para ela se observar
Antes da transição, Gabriela disse que sempre foi um desconforto para ela se observar
Foto: Divulgação/TV Globo / Mais Novela

No ar como a personagem Buba da novela Renascer, a atriz Gabriela Medeiros iniciou seu processo de transição de gênero aos 18 anos. Quatro anos depois, a artista do remake da Globo conversou sobre a intimidade dela e contou os seus maiores anseios por conta de todas as mudanças.

Quem são os atores LGBTQIA+ do remake de "Renascer" Quem são os atores LGBTQIA+ do remake de "Renascer"

"Desconforto, incômodo e desânimo. Essas palavras me perseguiam como ninguém. Eu nunca tive dúvida da minha essência e de quem eu sou, mas eu tinha medo. Nunca sei por onde começar, mas de certo me transporto para uma analogia linda no qual se refere o processo da borboleta. Assim como ela, eu nasci e não me identifiquei com o que via no espelho", disse à revista Vogue.

Gabriela disse que sempre foi um desconforto para ela se observar. "Desde criança nunca tive dúvida, sempre soube o que eu era. Mas me recordo de pedir para Deus me mostrar a minha essência, e tive um sonho que saía do corpo e entrava dentro dele e via uma mulher linda com um cabelo enorme até os pés, adormecida."

"É muito doloroso ver que você simplesmente não se enxerga da forma como foi imposta. Essa adolescência foi apagada, pois eu não vivenciei o que de fato eu queria. Lembro de colocar terno e chorar muito quando me via no espelho, para ir a alguma festinha de 15 anos ou até mesmo em um casamento de alguém da família. Eu tinha medo. Medo de verbalizar isso, medo de externalizar, medo de falar para a minha família, medo de não ser amada, medo de não conseguir um emprego… medo, medo e mais medo", declarou.

As mudanças de "Renascer" para ser uma novela mais diversa As mudanças de "Renascer" para ser uma novela mais diversa

Ao completar 18 anos, Gabriela procurou saber como era o processo de transição. "Fui entendendo cada parte de mim e busquei ajuda profissional e psicológica. Tudo isso sozinha, pois preferi manter esse processo isolado da minha família, sem que houvesse interferência. Sabia que não teria o devido apoio". Gabriela disse que a família não recebeu bem a notícia.

"Comecei a me entender cada vez mais, e comuniquei a família, que não recebeu isso tão bem logo de cara. Não fui expulsa, ou jogada para fora de casa. Mas sofri o silenciamento, o distanciamento deles, o olhar de não aprovação. Com o tempo foram entendendo e a borboleta começou a ganhar asas."

"Um momento marcante foi quando comecei a comprar as roupas que eu sempre quis usar. Me senti liberta e finalmente de acordo comigo. A borboleta ganhou asas e hoje ela está voando por aí. Minha motivação continua sendo ao encontro do meu âmago, cada vez mais, buscando minha compreensão existencial no mundo. Na jornada do amadurecimento é necessário nos escutarmos com carinho e amor", disse a intérprete de Buba em Renascer.

Conheça a atriz!

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por TV Globo (@tvglobo)

Mais Novela
Compartilhar
Publicidade
Publicidade