PUBLICIDADE

Estudante do Complexo do Alemão é aprovado em conservatório de música francês

Natanel Paixão é um dos únicos alunos negros do Conservatoire à Rayonnement Régional de Toulous O post Estudante do Complexo do Alemão é aprovado em conservatório de música francês apareceu primeiro em AlmaPreta.

30 nov 2023 - 17h37
Compartilhar
Exibir comentários

O estudante Natanael Paixão, de 23 anos, alcançou um feito notável ao ser aprovado no Conservatoire à Rayonnement Régional de Toulouse, renomado conservatório de música localizado em Toulouse, França.

Nascido e criado na comunidade das Casinhas, no Complexo do Alemão, desde os seus 11 anos, Natanael dedicou-se à viola, instrumento musical da família do violino, após ingressar no projeto Ação Social pela Música do Brasil (ASMB), que oferece ensino de música clássica a jovens em situação de vulnerabilidade em mais de 20 comunidades do Rio de Janeiro. 

Ele realizou a prova de admissão em setembro e hoje é o único aluno brasileiro e um dos poucos alunos negros no conservatório. Para vivenciar a nova fase, o músico interrompeu temporariamente seu curso de Bacharelado em Música (viola) na UniRio para abraçar a oportunidade. 

Com uma bolsa concedida pelo projeto, há um mês, o estudante enfrenta uma rotina intensa de estudos, aprendizado do francês e aulas de especialização no conservatório. Atualmente, seu desejo é se aprimorar na música clássica para se tornar chefe de naipe. 

O jovem músico sempre foi um dos principais destaques da Orquestra Sinfônica Jovem do Rio de Janeiro, oriunda do projeto ASMB. Composta por 55 jovens com idades entre 15 e 28 anos, os integrantes são, em grande maioria, moradores de comunidades que encontram na música clássica uma janela de oportunidade para trilhar um caminho profissionalizante.

Democratização da música clássica

Fundada há 27 anos, a Ação Social pela Música do Brasil (ASMB) tem como um de seus pilares a democratização e o acesso à música clássica, formando novas plateias e despertando o interesse pelo gênero e pela arte de maneira geral. 

O projeto também promove translado de alunos e familiares de comunidades para assistirem apresentações em salas tradicionais da cidade do Rio de Janeiro, além de realizar diversos concertos didáticos em escolas da rede pública, instituições sociais e em várias localidades do Estado do Rio.

No total, o projeto atende 4.700 alunos em 13 núcleos de aprendizado musical e em 18 polos de musicalização, promovendo a inclusão social de crianças, adolescentes e jovens de comunidades em situação de vulnerabilidade social.

O post Estudante do Complexo do Alemão é aprovado em conservatório de música francês apareceu primeiro em AlmaPreta.

Alma Preta
Compartilhar
Publicidade
Publicidade