PUBLICIDADE

Daniel Alves faz festa poucas horas após sair da prisão, diz jornal espanhol

Também nesta quinta-feira, o ex-jogador se apresentou à Justiça, uma condição da liberdade provisória

28 mar 2024 - 08h37
(atualizado às 11h14)
Compartilhar
Exibir comentários
Daniel Alves se apresenta à Justiça como condição à liberdade provisória
Daniel Alves se apresenta à Justiça como condição à liberdade provisória
Foto: Nacho Doce

Daniel Alves deu uma festa em casa horas após deixar a prisão, revelou o jornal espanhol Marca nesta quinta-feira, 28.

Segundo o periódico, o ex-jogador do Barcelona foi anfitrião de uma festa na noite de terça-feira, 27. O motivo: comemorar o aniversário do pai, Domingos Alves Da Silva. E não foi uma festa qualquer, segundo alguns convidados, o evento durou até às cinco da manhã e contou com a presença de pessoas próximas à família, mas também de alguns amigos pessoais do ex-jogador de futebol, condenado quatro anos e meio de prisão por agressão sexual, após ser acusado de estupro por uma mulher em uma boate de Barcelona.

“À noite [amigos] vieram a esta casa [onde ocorreu a festa], quando já não havia mais jornalistas, e comemoraram [o aniversário de Domingos Alves da Silva] também com Dani Alves”, revelou um repórter da mídia espanhola.

Também nesta quinta-feira, Daniel Alves se apresentou à Justiça, uma condição da liberdade provisória.

Daniel Alves se apresenta à Justiça como condição à liberdade provisória
Daniel Alves se apresenta à Justiça como condição à liberdade provisória
Foto: Nacho Doce

Liberdade provisória

No início da semana, o ex-jogador Daniel Alves fez o pagamento da fiança de 1 milhão de euros (cerca de R$ 5,4 milhões) à Justiça da Espanha, que lhe concedeu, então, a liberdade provisória. 

Foi determinado pela Justiça que Daniel Alves tivesse todos os passaportes confiscados. Ele também deve manter distância mínima de 1 quilômetro da casa da vítima e do local de trabalho dela. A jovem também mora em Barcelona.

Segundo a Justiça, o brasileiro também não pode tentar se comunicar com a mulher de nenhuma forma, e não pode deixar a Espanha. Ele precisa comparecer semanalmente ao Tribunal de Barcelona, ou quantas vezes for solicitado, segundo a decisão.

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
TAGS
Publicidade
Seu Terra












Publicidade