PUBLICIDADE

Presidente do Xbox se manifesta sobre fechamento de estúdios da Bethesda

Cita que a Microsoft tomou a decisão “para manter a empresa saudável no longo prazo”

10 mai 2024 - 10h55
(atualizado às 11h32)
Compartilhar
Exibir comentários
Respostas dadas por Sarah Bond sobre o fechamento dos estúdios não agradou os jogadores
Respostas dadas por Sarah Bond sobre o fechamento dos estúdios não agradou os jogadores
Foto: Reprodução / Bloomberg Tech

Durante uma entrevista realizada na conferência Bloomberg Tech na cidade de São Francisco, nos Estados Unidos, na última quinta-feira (9), Dina Bass, da Bloomberg, perguntou à presidente do Xbox, Sarah Bond, a respeito do fechamento de estúdios que foi anunciado no começo da semana.

Na terça-feira (7), foi revelado que o Xbox estava fechando quatro estúdios, incluindo Arkane Austin, Tango Gameworks, Alpha Dog e Roundhouse Games.

Bond respondeu (via VGC) que os fechamentos fazem parte do compromisso de “manter a empresa saudável no longo prazo”, citando também que é “extraordinariamente difícil” tomar decisões assim, antes de se referir a comentários anteriores que fez sobre a indústria “estar estagnada” no ano passado, apesar de ter sido um dos anos com o maior número de lançamentos de peso e de qualidade até hoje.

Bass então apontou que uma das principais razões para o descontentamento dos jogadores foi sobre o fechamento da Tango Gameworks, já que pelo estúdio ter feito o aclamado e bem-sucedido Hi-Fi Rush, pensava-se que não havia risco da desenvolvedora ser fechada. Então, Bond foi questionada diretamente sobre isso, tendo recebido uma resposta que não respondeu nada, servindo apenas para se esquivar da pergunta.

“Sabe, uma das coisas que eu realmente amo na indústria de jogos é que ela é uma forma de arte criativa, e isso significa que a situação e o sucesso de cada jogo e estúdio também são realmente únicos”, disse Bond. “Não existe um tamanho único para nós e, por isso, olhamos para cada estúdio, cada equipe de jogo, e olhamos para toda uma variedade de fatores quando nos deparamos com decisões e mudanças como essa, mas tudo se resume ao nosso compromisso de longo prazo com os jogos que criamos, os dispositivos que construímos, os serviços e a garantia de que estamos nos preparando para poder cumprir essas promessas".

As respostas da executiva a respeito do fim dos estúdios não agradou a maioria dos jogadores nas redes sociais, que demonstraram sua insatisfação em inúmeros comentários a respeito. Alguns também cobraram respostas de Phil Spencer, que até agora não se manifestou.

Na mesma ocasião, Sarah Bond informou que a Microsoft irá abrir sua própria loja de jogos mobile de Xbox nos próximos meses, que terá inicialmente apenas jogos da empresa, como Candy Crush, que agora é da Microsoft após a compra da King juntamente com a Activision Blizzard, e Minecraft, mas que será expandida para receber títulos de estúdios parceiros.

Fonte: Game On
Compartilhar
Publicidade
Publicidade