PUBLICIDADE

Análise: Sonic Colors Ultimate traz de volta ótimo jogo do Wii

Remasterização apresenta uma das melhores aventuras do Sonic para mais jogadores

8 set 2021 10h49
ver comentários
Publicidade
Sonic Colors Ultimate
Sonic Colors Ultimate
Foto: Sega / Divulgação

Lançado originalmente em 2010 para Nintendo Wii e para o portátil DS, Sonic Colors é um ótimo jogo do mascote da Sega, coisa que, naqueles tempos, era raro de se ver. Agora, em sua edição Ultimate, o game chega aos videogames atuais, com versões para PC, PS4, PS5, Switch, Xbox One e Xbox Series X/S.

Nas plataformas de nova geração, Sonic Colors Ultimate oferece iluminação aprimorada, suporte a resolução Ultra HD 4K e taxa de 60 quadros de animação por segundo, além de trilha sonora remixada e algumas mudanças pequenas aqui e ali, assim como adições menores em suas mecânicas de jogo.

Essa camada de verniz "next-gen" é o bastante para destacar os elementos que fazem de Sonic Colors uma das aventuras memoráveis do ouriço velocista, como os estágios belíssimos e a criativa mecânica de Wisps, que permite ao personagem mudar de forma e ganhar novas habilidades para explorar as fases do jogo em busca de novas rotas e dos cobiçados anéis vermelhos.

Parque de diversões espacial

A trama é simples: o Dr. Eggman construiu um parque de diversões espacial para capturar pequenos alienígenas, os Wisps, que o cientista maluco pretende usar como combustível para uma arma de controle mental. Sobrou para Sonic e Tails irem até lá colocar ordem na casa (quebrando tudo para libertar os bichinhos)!

Nunca se espera uma história original e brilhante em um jogo do Sonic, mas ao menos a aventura é contada em cenas de animação bem feitas e engraçadas, geralmente envolvendo Sonic, Tails e os dois robõs Cubot e Orbot, capangas atralhados de Eggman. Mas por algum motivo, essas cenas não foram remasterizadas com o mesmo cuidado que o resto do jogo, parecendo vir direto do Wii. Isso resulta numa sensação meio incômoda na hora de assistir logo depois de jogar uma fase em 4K.

Os Wisps são a grande novidade de Sonic Colors: ao encontrar esses pequenos alienígenas, Sonic ganha poderes de trasnformação, que podem ser ativados quando o jogador quiser. Na versão Ultimate há nove tipos de Wisps diferentes, cada um com um poder único: o Wisp amarelo transforma Sonic em uma broca para escavar túneis pelas fases, o Wisp azul transforma o herói em um feixe de laser que pode ricochetear pela fase em altíssima velocidade e assim por diante.

Além dos oito Wisps originais, há um novo tipo, o Wisp Fantasma, que serve para acessar algumas áreas inalcançáveis de outra forma, onde foram reposicionados alguns dos anéis vermelhos nesta edição do jogo. É um poder bem pouco explorado, infelizmente.

Cenários incríveis

Ao jogar a remasterização de Sonic Colors, é notável o esmero da Sega no game original: o jogo envelheceu muito bem e seus estágios estão entre os mais bonitos da franquia, coisa que a resolução aprimorada destaca muito bem, como a brilhante Starlight Carnival e a criativa Sweet Mountain, por exemplo.

A trilha sonora também é ótima, embora as faixas remixadas não me pareçam tão boas quanto as originais - e não há como escolher entre ouvir uma ou outra, é preciso se contentar com a música determinada para o estágio.

Além de jogar as mesmas fases algumas vezes para explorar e coletar todos os anéis vermelho, melhorar seu tempo e coisas do tipo, há um novo modo de jogo, Rival Rush, em que o jogador compete contra Metal Sonic para ver quem termina a fase primeiro. É basicamente um modo de "time trial" limitado, já que não está disponível em todos os estágios, apenas em uma fase de cada um dos seis mundos do jogo.

Outro extra meio desnecessário é o sistema de personalização, que permite mudar luvas, sapatos e aura de Sonic, além de escolher diferentes ícones para o personagem, incluindo alguns vindos de Sonic: O Filme. Nenhum é tão legal quanto o visual clássico do herói, servindo apenas como motivo para coletar um novo tipo de moeda espalhada pelas fases.

Uma novidade legal para os jogadores mais competitivos é o modo Ghost Racer, que permite compartilhar recordes de conclusão de fase e disputar um lugar no topo da classificação global, além de desafiar amigos online para bater seus tempos.

Considerações

Sonic Colors Ultimate - Nota 8
Sonic Colors Ultimate - Nota 8
Foto: Game On / Divulgação

Sonic Colors Ultimate é uma boa remasterização de um ótimo jogo lançado quase 11 anos atrás, que continua divertido e atual, com mecânicas interessantes e cenários que enchem os olhos. Jogadores que passaram longe da aventura original e são fãs do velocista da Sega vão se divertir explorando as possibilidades criadas pelo uso dos Wisps.

*Esta análise foi feita no Xbox Series X.

Fonte: Game On
Publicidade
Publicidade