PUBLICIDADE
AO VIVO
'Paris É Delas': expectativas para os jogos crescem e veto da mãe de Rayssa Leal gera debate
Logo do São Paulo

São Paulo

Favoritar Time

Zubeldía elogia atacantes e celebra vitória do São Paulo na Libertadores

No grupo B da Libertadores, o Tricolor segue na vice-liderança com quatro pontos

26 abr 2024 - 01h24
(atualizado às 07h37)
Compartilhar
Exibir comentários
Zubeldía no São Paulo
Zubeldía no São Paulo
Foto: Franklin Jacome/Getty Images / Esporte News Mundo

Sob o comando de Luis Zubeldía, o São Paulo venceu o Barcelona de Guayaquil por 2 a 0 nesta quinta-feira (25), pela terceira rodada da Libertadores, no Estádio Monumental Isidro Romero Carbo. Em entrevista coletiva, o novo treinador elogiou a atuação dos atacantes e destacou o novo esquema.

O Tricolor abriu o placar aos 17 minutos do primeiro tempo com Calleri, de cabeça. A jogada começou com André Silva, passou pelos pés de Ferreira que ajeitou e cruzou para o argentino no meio da área. Na segunda etapa, o São Paulo comandou a partida e Alisson, aos 18, ampliou o placar para os visitantes.

Zubeldía, novo técnico do São Paulo, concedeu entrevista após a partida. O argentino fez observações sobre o jogo e exaltou o desempenho dos jogadores, em especial Luciano, Calleri e André Silva, destaques da vitória contra o Barcelona de Guayaquil.

- A equipe teve bons momentos de futebol. Em muitas ocasiões nos deram espaço para atacar por dentro e por fora para aproveitar os nossos atacantes: Luciano, Calleri e André. Óbvio que sempre com a referência de Ferreira pelo lado esquerdo. Esse mix de ter a bola e atacar os espaços foi importante para resumir o fez o São Paulo. O Barcelona te empurra, porque é uma equipe grande, uma equipe que leva muita gente ao estádio. Em jogos da Copa Libertadores é normal que tenham situações que o São Paulo sofra um pouco, mas em termos gerais eu gostei e senti que estavam cômodos para jogar.

O novo técnico do São Paulo também falou sobre a escalação e as mudanças no esquema, diferente do que vinha sido utilizado por Thiago Carpini.

- Basicamente jogaram muito com esse sistema de quatro, dois volantes, três meias e um centroavante. Mudei um pouco a característica, jogamos com um atacante (André Silva) pela direita, e ele me contou que era a primeira vez que jogava assim. Mas vi no GPS que poderia render, ele se comprometeu ao trabalho. Eu sabia que com Calleri e Luciano poderia ser complicado para o Barcelona porque são jogadores de área, são jogadores que sentem o gol. Fizeram um bom trabalho.

Zubeldía seguiu exaltando a atuação do São Paulo, mas também falou sobre o calendário do Tricolor e a sequência de jogos.

- Tivemos momentos bons e isso nos permite saber que podemos fazer essas coisas independentemente do contexto, de jogar a Libertadores, fora ou em casa, o Brasileirão que é muito difícil, ou a Copa do Brasil. É muito bom lidar com situações diferentes. Mas eles têm jogado muito, não é desculpa, mas temos um calendário importante, o Barcelona veio fresco, com jogadores praticamente descansados. No geral o jogo foi redondo porque vencemos sem gols, os atacantes se sentiram bem e isso é super importante.

PRÓXIMO JOGO DO SÃO PAULO

O São Paulo vai enfrentar o Palmeiras na próxima segunda-feira, 29 de abril, no MorumBIS, às 20h (de Brasília), pela quarta rodada do Brasileirão. O Premiere, disponível em operadoras de TV por assinatura, transmite o clássico para todo o país.

Na rodada passada, o Tricolor venceu o Atlético-GO por 3 a 0, em Goiânia. Já o atual campeão brasileiro não saiu do zero a zero com o Flamengo, no Allianz Parque.

Esporte News Mundo
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade