PUBLICIDADE
URGENTE
Saiba como doar qualquer valor para o PIX oficial do Rio Grande do Sul
Logo do São Paulo

São Paulo

Favoritar Time

São Paulo segue busca para novo técnico e sonda nomes estrangeiros

Com saída de Thiago Carpini do cargo de técnico do São Paulo FC, o papel de técnico ficou livre; o time tricolor busca grandes nomes estrangeiros

18 abr 2024 - 18h43
(atualizado às 18h43)
Compartilhar
Exibir comentários
Foto: Esporte News Mundo

Com a saída do técnico Thiago Carpini do São Paulo, o tricolor paulista iniciou oficialmente a busca por novos técnicos de renome dias antes da demissão do ex-técnico para preencher um lugar tão importante, indo atrás de principalmente estrangeiros para o cargo.

Um técnico com bagagem vindo de fora do Brasil é o alvo do clube, nomes como Mourinho, Benítez e Alonso foram rastreados pelo São Paulo, e mesmo que o maior sonho da diretoria seja Mourinho, níveis altíssimos de salário necessário fazem o desejo ser cada vez mais difícil com o espaço na folha salarial.

Foto: Esporte News Mundo

O português José Mourinho de 61 anos com saída recente do europeu Roma tem grande bagagem estrangeira e participa de um grupo renomado com experiência da escola portuguesa de futebol; Diego Alonso, também sondado pelo clube de São Paulo apresenta experiência de Copa do Mundo treinando o Uruguai em Catar no último ano, o técnico tem apenas 49 anos e já passou por grandes clubes como o Sevilla, mesmo estando sem clube no momento e esperando a janela de junho na europa, sem garantir nada até o momento mesmo tendo conversado com o time.

Para saber tudo sobre o São Paulo, siga o Esporte News Mundo no Twitter, Facebook e Instagram

Outro grande nome que o São Paulo está atrás é Paulo Pezzolano, de 40 anos, o jovem técnico passou pelo cruzeiro no Brasil, lutando no momento na segunda divisão do Campeonato Espanhol, não mostrando interesse de retornar ao país do futebol.

Foto: Esporte News Mundo

Além desses nomes, Rafa Benítez, espanhol de 61 anos se mostrou apto ao cargo, porém sendo a única resposta do clube até agora, com uma negativa do tricolor, o técnico foi responsável pelo Liverpool em 2005, time que competiu o Mundial nesse mesmo ano.

Esporte News Mundo
Compartilhar
Publicidade
Publicidade