PUBLICIDADE
Logo do

Santos

Meu time

Santos goleia a Juazeirense por 4 a 0 pela Copa do Brasil

Time santista goleou o clube baiano nesta quarta-feira, 28, garantindo uma boa vantagem para o próximo confronto

28 jul 2021 21h32
| atualizado às 21h45
ver comentários
Publicidade

O Santos teve dificuldade, mas goleou a Juazeirense por 4 a 0 na noite desta quarta-feira, na Vila Belmiro, pelo jogo e ida das oitavas de final da Copa do Brasil. O gols foram marcados por Madson, Lucas Braga, Marcos Leonardo e Carlos Sánchez. 

Com a vantagem, o time santista pode até perder por até três gols de diferença em Juazeiro, na Bahia, na próxima quinta, para avançar às quartas da competição nacional.  

Santos goleia a Juareizense por 4 a 0 pela Copa do Brasil
Santos goleia a Juareizense por 4 a 0 pela Copa do Brasil
Foto: Guilherme Dionizio/Gazeta Press

O Santos dominou as ações desde o primeiro minuto, mas custou a abrir o placar e abusou dos cruzamentos. O gol só saiu no segundo tempo, com o lateral-artilheiro Madson, e aí a "porteira abriu". O Santos tentou até o fim e conseguiu ampliar com Braga,  Marcos Leonardo e Sánchez e criou várias outras chances.

A Juazeirense disputa a Série D do Campeonato Brasileiro e veio bem fechada na defesa, porém, não conseguiu segurar os donos da casa até o fim. Os visitantes fizeram cera até o minuto final, mesmo com a desvantagem.

O Santos voltará a campo para enfrentar a Chapecoense no domingo, na Arena Condá, pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O JOGO

O Santos foi para cima desde o primeiro minuto e a primeira chance já veio aos 4 minutos, quando Sánchez lançou Madson, que foi derrubado por Wendell na área. A arbitragem mandou seguir.

Aos 7, Felipe Jonatan cruzou para Madson cabecear e Rodrigo Calaça defender, mas o lance foi anulado. Aos 8, ele de novo: cruzamento de Sánchez e cabeceio de Madson para Calaça espalmar.

No minuto 9, um susto para o Santos. Bem no ataque, Madson errou passe na defesa e Junior Timbó invadiu a área sozinho e bateu para fora na saída de João Paulo. O assistente, porém, marcou impedimento.

Quando o placar marcava 19 jogados, o Santos ficou bem perto de abrir o placar. Kaiky lançou para Felipe Jonatan, que rolou para Marinho bater e a bola raspou a trave. No escanteio, Kaiky subiu sozinho e cabeceou no meio.

Aos 35, outra boa chance para o Santos: Lucas Braga tabelou com Sánchez e a bola sobrou limpa para Marinho, que bateu em cima da defesa da Juazeirense. Um minuto depois, Braga rolou para Felipe Jonatan bater e Calaça defender novamente.

No minuto 40, foi a fez da Juazeirense assutar novamente. Guilherme Lucena cobrou falta com categoria e a bola raspou a trave de João Paulo. Aos 43, Marinho recebeu de Madson na marca do pênalti e bateu forte, mas no meio, e Calaça espalmou.

SEGUNDO TEMPO

Para a etapa final, o técnico Fernando Diniz tirou Gabriel Pirani para a entrada de Bruno Marques, centroavante de 1,94 m de altura. E o Santos passou a fazer ainda mais cruzamentos, agora para uma referência na área.

A primeira chance, porém, veio em finalização de fora da área de Jean Mota, aos 11 minutos, para nova defesa segura do goleiro Rodrigo Calaça. Aos 14, a Juazeirense ficou muito perto do primeiro gol.

Luiz Felipe demorou para recuar, tentou o drible e perdeu a bola. Kesley avançou sozinho, mas bateu em cima do goleiro João Paulo, que salvou o zagueiro do Santos. Aos 24 minutos, Jean Mota cruzou, Madson tocou de cabeça e a defesa tirou na pequena área. Na sequência, finalmente a bola entrou.

Jean acertou novo cruzamento e dessa vez Madson acertou a direção. A arbitragem checou o lance por mais de dois minutos, mas o gol foi finalmente confirmado.

Aos 34 minutos, Lucas Braga fez fila e a bola sobrou limpa para Bruno Marques, que chutou para fora com o gol aberto. O lance, porém, foi anulado por impedimento. No minuto 35, Felipe Jonatan cruzou bem e Bruno cabeceou por cima.

No minuto 39, Lucas Braga foi coroado por ser o melhor do Santos na partida. Ele aproveitou rebote de Calaça e bateu bonito de canhota para ampliar. 2 a 0 no placar.

O clube santista buscou mais gols até o fim e conseguiu, com Marcos Leonardo, aos 46 minutos, após passe perfeito de Lucas Braga, e Carlos Sánchez, aos 54. Vitória difícil e merecida do Santos na Vila Belmiro.

FICHA TÉCNICA

SANTOS 4 x 0 JUAZEIRENSE

Local: Vila Belmiro, em Santos (SP)

Data: 28 de julho de 2021 (quarta-feira)

Horário: 19h15 (de Brasília)

Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães (RJ)

Assistentes: Michael Correia e Luiz Claudio Regazone (RJ)

VAR: Rodrigo Nunes de Sá (RJ)

Cartões amarelos: Santos: Marinho e Jean Mota.Juazeirense: Daniel Nazaré e Toni

GOLS

Santos: Madson, Lucas Braga e Marcos Leonardo, aos 26, 39 e 46 minutos do 2T

SANTOS: João Paulo, Madson, Luiz Felipe, Kaiky e Felipe Jonatan; Jean Mota, Carlos Sánchez e Gabriel Pirani (Bruno Marques); Marinho (Marcos Leonardo), Marcos Guilherme e Lucas Braga

Técnico: Fernando Diniz

JUAZEIRENSE: Rodrigo Calaça, Guilherme Lucena (Carlinhos), Jamerson, Wendell e Daniel Nazaré; Waguinho, Sapé e Patrik; Kesley (Nino), Junior Timbó (Ian) e Toni Galego (Waldir)

Técnico: Carlos Rabello

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade