0

Jesualdo e cláusula em contrato são trunfos do Santos para ficar com Evandro

11 jan 2020
14h03
atualizado às 14h03
  • separator
  • 0
  • comentários

Jesualdo gosta do futebol de Evandro e deve utilizá-lo (Divulgação/Ivan Storti-SFC)

O contrato de Evandro está perto do fim, mas o Santos tem dois trunfos para ficar com o meia por mais tempo: uma cláusula e a empolgação pela chegada de Jesualdo Ferreira.

Há um termo no acordo pela renovação automática por mais seis meses. E o Peixe irá confirmar. Dessa forma, o vínculo até 30 de junho será estendido para o segundo semestre.

Essa opção independe da dívida existente do Peixe com os representantes de Evandro: três parcelas vencidas em comissão, num total de R$ 144 mil. O valor atualizado, com honorários, é de R$ 180 mil e o clube foi notificado na Câmara Nacional de Resolução de Disputas na última segunda-feira.

Os empresários, porém, não querem discutir a permanência a partir de 2021 sem que haja o pagamento do débito. E, mesmo com a renovação até dezembro, haveria a possibilidade de assinar um pré-contrato a partir de julho.

Evandro está descontente com essa situação, porém, quer ficar. Ele tem estado próximo de Jesualdo nos primeiros dias do treinador. O experiente profissional conhece o meio-campista do futebol português.

"Já conheço o trabalho do Jesualdo. Joguei contra ele algumas vezes quando estava em Portugal, e isso acaba gerando um pouco mais de entrosamento. Bati um papo bem legal com ele antes do treino. É uma satisfação muito grande voltar a representar esse clube e todos estão motivados para a temporada", disse Evandro.

Aos 33 anos e ex-Hull City, da Inglaterra, Evandro foi titular sob o comando do ex-técnico Jorge Sampaoli e deve seguir na equipe de Jesualdo.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade