PUBLICIDADE
Logo do

Palmeiras

Meu time

Palmeiras procura Cleiton Xavier, mas Metalist pede R$ 18 mi

1 ago 2014 09h45
| atualizado às 09h48
ver comentários
Publicidade

Um dos últimos meio-campistas que, de fato, brilharam com a camisa do Palmeiras recentemente, Cleiton Xavier foi procurado pela diretoria alviverde para voltar ao clube que defendeu entre 2009 e 2010. De acordo com informações publicadas pela edição impressa do diário Lance! nesta sexta-feira, o time brasileiro fez contato com o atleta, mas se assustou com os valores determinados pelo atual clube do jogador, o ucraniano Metalist Kharkiv.

Foto: EuroFootball / Getty Images

Segundo a publicação, a equipe do leste europeu informou que só libera Cleiton Xavier por 6 milhões de euros (R$ 18 milhões) e que não tem a intenção de emprestá-lo. Assim, entretanto, não sairá negócio. O Palmeiras não vive bom momento financeiramente e está pessimista com relação à possibilidade de achar um investidor para ajudar na transferência. O motivo? Cleiton Xavier tem 31 anos, idade considerada elevada para um jogador de futebol.

Apesar disto, o clube alviverde aposta na boa relação do meia com o presidente Paulo Nobre – mesmo distantes, eles mantêm contato frequente – e no desejo do atleta de retornar ao Palmeiras. Entre 2009 e 2010, Cleiton ajudou o time a chegar às quartas de final da Copa Libertadores da América e a brigar pelo título brasileiro. Neste período, foi até chamado pelo técnico Dunga para defender a Seleção Brasileira.

Entretanto, o principal fator que pode fazer com que ele volte ao Palmeiras é a delicada situação vivida pela Ucrânia. O país está envolvido em conflitos com a Rússia e corre o risco de perder importantes atletas por causa da falta de segurança. Por isso, Cleiton conversa quase que diariamente com Paulo Nobre e estaria disposto a retornar ao time alviverde.

Ele tem contrato com Metalist até o meio de 2017 e, em julho do ano passado, utilizou as instalações da Academia de Futebol para se tratar de uma lesão na coxa direita. Além disto, retirou uma ação que movia contra o Palmeiras, pedindo pagamento de direitos de imagens atrasados. Assim, deu indícios de que não deve pensar duas vezes em retornar à equipe na qual goza de grande prestígio.

Fonte: Terra
Publicidade
Publicidade