PUBLICIDADE
Logo do

Palmeiras

Meu time

Palmeiras encaminha venda de sua parte de Viña para a Roma

Lateral uruguaio deixará o time por R$ 70 milhões e será treinado por José Mourinho; Uruguaios mantêm porcentagem pensando em venda futura

19 jul 2021 19h32
| atualizado às 19h42
ver comentários
Publicidade

O Palmeiras encaminhou nessa segunda feira (19) a venda do lateral-esquerdo uruguaio Matías Viña para a Roma. O acordo está por detalhes e deve ser fechado por 11 milhões de euros (cerca de R$ 67 milhões na cotação atual) com o adicional de 2,5 milhões por metas estabelecidas em contrato.

Matías Viña vai deixar o Palmeiras para atuar pela Roma (Foto: Cesar Greco/Palmeiras)
Matías Viña vai deixar o Palmeiras para atuar pela Roma (Foto: Cesar Greco/Palmeiras)
Foto: LANCE!

Apesar de possuir somente 57,5% dos direitos econômicos do jogador de 23 anos, a oferta dos italianos é justamente por essa fração de Viña. O restante pertence ao Nacional, do Uruguai, que pretende manter sua porcentagem pensando em uma venda futura. A informação foi dada pelo repórter Rodrigo Fragoso, da TNT Sports. Assim, o Palmeiras receberia quase R$ 70 milhões pelo negócio.

A proposta da Roma inicialmente era de 10 milhões de euros além de gatilhos por metas, mas o acordo deve ser fechado por 11 milhões mais o bônus de 2,5 milhões por metas, chegando próximo dos 14 milhões de euros que o Palmeiras desejava.

No início de 2020, o Palmeiras comprou 50% de Viña por 3,5 milhões de euros (cerca de R$ 16 milhões, na época) e depois adquiriu mais 7,5% do jogador em novo acordo.

Desde a chegada do lateral ao clube, o time alviverde tinha ciência do potencial do atleta no mercado europeu e sabia que seria difícil segurá-lo durante a atual janela de transferências. A Roma, do técnico José Mourinho, colocou o jogador do Palmeiras como prioridade após a lesão do titular Spinazzola durante a Eurocopa. Ele também esteve no radar do Porto, de Portugal, recentemente.

Viña era titular absoluto com Abel Ferreira e, inclusive, esteve em campo na vitória do Atlético-GO no último domingo (18). A diretoria do Alviverde trabalha por uma reposição para o setor no mercado sul-americano.

Matías Viña foi campeão do Paulistão, da Libertadores e da Copa do Brasil pelo Palmeiras. Ele tinha contrato até 2024 e marcou cinco gols em 70 partidas pelo clube. Ele também é titular da seleção do Uruguai e disputou a Copa América de 2021.

Lance!
Publicidade
Publicidade