PUBLICIDADE
Logo do

Palmeiras

Meu time

Abel Ferreira revela plano de se aposentar cedo: "Não sei se vou chegar aos 50"

18 set 2021 15h47
ver comentários
Publicidade

Nesta sexta-feira, a Conmebol exibiu os últimos dois episódios que compõem o documentário que retrata e humaniza alguns dos principais personagens que participaram da conquista da Libertadores pelo Palmeiras na temporada passada. Abel Ferreira foi o protagonista do terceiro capítulo e revelou que não pretende ter uma longa carreira como treinador.

O comandante do Verdão explicou por que não se vê à beira do campo por várias décadas, citando em sua fala Luiz Felipe Scolari, que ainda exerce a função aos 72 anos.

"Não vou ser treinador por muitos anos. Não sei se vou chegar aos 50, não quero ser treinador por muitos anos", disse o técnico.

"Temos o dia todo para falar, há coisas que o dinheiro não compra. Eu posso ter todo o dinheiro do mundo, mas não consigo comprar tempo. O tempo é um bem precioso, mas às vezes dosamos tão mal… Eu gosto muito daquilo que faço, adoro ser treinador. Adoro ajudar meus jogadores a serem melhores, que é minha função. O Scolari que me desculpe, mas eu não vou ser treinador até a idade dele", completou rindo.

Em sua participação no documentário, Abel também lembrou do momento em que viu a delegação do River Plate trazer garrafas de champanhe ao Allianz Parque, já que acreditavam que conseguiriam uma vaga à final da Libertadores da temporada passada, conquistada pelo Verdão.

Desde quando estreou no comando técnico do Palmeiras, em novembro de 2020, Abel já esteve em 86 jogos do Alviverde, com 47 vitórias, 18 empates e 21 derrotas. Neste período, o treinador levou a equipe às conquistas da Libertadores e da Copa do Brasil.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade