PUBLICIDADE

Lutas

"Só bate em mulher", diz Popó sobre desistência de Naldo de luta programada

O ex-pugilista afirmou que perdeu R$ 1 milhão após cancelamento do embate

18 mai 2023 - 21h45
(atualizado em 19/5/2023 às 10h28)
Compartilhar
Exibir comentários
Foto: Reprodução/Instagram

O grande astro do boxe brasileiro Popó não gostou nada da desistência do cantor Naldo Benny de uma luta com o ex-pugilista. O lutador afirmou que perdeu R$ 1 milhão com a atitude do funkeiro e fez graves acusações.

"Ele ficou com medo de apanhar porque é o tipo do cara que só bate em mulher. Todas as mulheres que me mandam direct pedem para eu arrebentar ele por causa disso. Ele já agrediu uma mulher na vida dele. [...] Eu estava fechando um patrocínio para ser garoto-propaganda de uma empresa por quase R$ 1 milhão visando essa luta. Quem vai pagar as contas? Será que ele vai pagar? Isso é passível de um processo", disse Popó em entrevista ao programa Samba Gol, da Rádio Transcontinental FM.

A luta entre o boxeador e o cantor estava prevista para o dia 26 de agosto, que tinha sido acertado entre os dois, embora ainda não tivessem assinado contrato. 

Naldo desiste 

Com luta marcada contra o ex-pugilista Acelino Popó Freitas, o cantor Naldo voltou atrás e disse que o confronto não será mais realizado. De acordo com o artista, o cancelamento aconteceu por sua própria vontade, já que não tem encontrado tempo para treinar em meio à rotina da carreira.

Popó já havia adiantado que restava apenas a assinatura de Naldo no contrato, mas o cantor admitiu em entrevista ao programa Samba Gol, da Rádio Transcontinental FM, que não encontrou tempo hábil para se preparar.

"Quando eu 'brisei' [pensei] nisso, eu estava fazendo os treinos, estava com tempo que me permitia estar treinando. Minha carreira deu uma alavancada de uma forma que eu não estou conseguindo tempo para os treinos, e eu não gosto de fazer as coisas pela metade, fazer mal feito".

A ideia do confronto partiu do próprio Naldo, que acusou Popó de "fugir" de uma luta entre os dois. O ex-pugilista, por sua vez, topou o duelo após algumas farpas trocadas nas redes sociais e disse que restava apenas a assinatura do artista — o que não vai mais acontecer.

"Não sou um 'boxer', não sou lutador, então estou buscando fazer isso. Só que o tempo não está me permitindo, está ficando cada vez mais difícil. Se fosse medo, não teria nem topado. Mas aí, fui vendo que não tenho tempo".

Condenado por agressão 

Em 2018, a Justiça condenou o cantor Naldo Benny por ter agredido e ameaçado sua mulher, Ellen Cardoso, também conhecida como Mulher Moranguinho, em dezembro de 2017.

Segundo a denúncia do Ministério Público, o artista atingiu a ex-dançarina com socos, tapas, puxões de cabelo e até um golpe com uma garrafa. O documento aponta ainda que Naldo ameaçou Moranguinho de morte. Após o episódio, o cantor divulgou um vídeo no qual aparece chorando, pedindo perdão à mulher pelas agressões.

Fonte: Redação Terra
Compartilhar
Publicidade
Publicidade