0

Veja negociações de brasileiros que quase se concretizaram na Europa

Kaká, por pouco, foi a primeira estrela do Manchester CIty, enquanto Neymar 'esnobou' o Real e Rivaldo quase acertou com o Bolton. Pedro e Lucas Lima também integram a lista

2 abr 2019
11h40
atualizado às 11h40
  • separator
  • 0
  • comentários

No último domingo, o agente do atacante Pedro, do Fluminense, Márcio Giugni, afirmou que, se não fosse a lesão, o atacante estaria no Real Madrid. Essa foi mais uma negociação frustrada envolvendo jogadores brasileiros e grandes clubes. Pedro, porém, não foi o único. Jogadores do porte de Kaká, Daniel Alves, Rivaldo e Neymar também quase tiveram seus destino selados a outras equipes. Relembre outros casos.

Kaká ficou muito próximo do Manchester City (Foto: Filippo Monteforte / AFP)
Kaká ficou muito próximo do Manchester City (Foto: Filippo Monteforte / AFP)
Foto: Lance!

ZAGUEIRO ESPANHOL

Rodrigo Caio foi reprovado nos exames médicos do Valencia (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

Em 2015, Rodrigo Caio despertou o interesse de dois clubes espanhóis: o Atlético de Madrid e o Valencia. O zagueiro chegou a viajar para a Espanha, mas foi reprovado nos exames médicos do Valencia. Com isso, os Colchoneros chegaram a buscar o seu empréstimo, mas o jogador surpreendeu ao anunciar que permaneceria no São Paulo.

PEDIDO DO CRAQUE

Lucas Lima ficou próximo do Barça (Foto:Agência Palmeiras/Divulgação)

A imprensa chegou a noticiar que Lucas Lima tinha acertado com o Barcelona. O pedido da contratação teria sido feito por Neymar, que, na época, defendia o clube catalão. O negócio, porém, não foi para frente e o meia deixou o Santos e foi para o Palmeiras.

LESÃO

Se não fosse a lesão, Pedro poderia estar no Real Madrid (Foto: Lucas Merçon/Fluminense)

Um dos atacantes mais promissores brasileiros, Pedro, do Fluminense, quase foi para o Real Madrid, em 2018. Segundo o seu agente, Márcio Giugni, em entrevista ao 'Esporte Espetacular', o jogador e sua família já tinham chegado a um acordo com o Real Madrid, mas a lesão fez com que o acordo melasse.

VENCEU O PROJETO

Vinícius Júnior preferiu o Real ao Barça (Foto: AFP)

Vinícius Júnior surgiu como um dos maiores talentos do futebol brasileiro com a camisa do Flamengo. Naturalmente, grandes clubes quiseram sua contratação. O Barcelona foi um deles e, segundo o próprio jogador, fez uma proposta maior que a do Real Madrid. O projeto merengue, porém, pesou e o atacante optou por Madri.

MELOU

Müller poderia ter disputado a Premier League (Foto: Divulgação)

Após o título da Copa do Mundo de 1994, o atacante Müller quase foi para o Everton. O presidente do clube na época, Mike Walker, chegou a convocar uma coletiva de imprensa para anunciar o jogador, mas o atacante brasileiro voltou atrás em cima da hora, após descobrir que a proposta financeira não era positiva e que não receberia uma casa e um carro. Com isso, Müller assinou com o Kashiwa Reysol, do Japão.

RETORNO

Juninho fez história na Premier League (Foto: Divulgação)

Após grande passagem no Middlesbrough, Juninho Paulista quase retornou a Premier League para defender o Aston Villa, em 1999. Porém, um imbróglio com o presidente do Atlético de Madrid, clube em que o meia defendia na época, acabou esfriando a negociação nos últimos minutos.

QUASE MERENGUE

Neymar foi disputado por Real e Barcelona (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)

O interesse de Florentino Pérez em Neymar é antigo. Com apenas 14 anos, o jogador foi fazer testes no clube espanhol e encantou. Os Merengues foram com tudo para contratar o atacante, após as grandiosas atuações com a camisa do Santos. O Barcelona, porém, entrou na jogada e os planos do Madrid foram por água abaixo.

CITIZEN

Dani Alves poderia ter feito dobradinha com Guardiola no City (Foto: Jean-Philippe Ksiazek / AFP)

Daniel Alves quase assinou com o Manchester City, em 2017, para refazer a dobradinha com Pep Guardiola, que foi amplamente vitoriosa no Barcelona. O jogador, porém, optou pelo PSG e por jogar com os companheiros brasileiros, como Neymar, Thiago Silva e Marquinhos, frustrando os planos dos Citizens.

OUTRO QUASE CITIZEN

Kaká seria a primeira estrela da era bilionária do Manchester City (Foto: Divulgação/AC Milan)

O início do período bilionário do Manchester City (2009) tinha como o principal objetivo a contratação de Kaká. O clube chegou a um acordo com o Manchester City, com uma oferta de 108 milhões de libras (R$ 360 milhões, na cotação da época). O brasileiro seria o jogador mais caro da história do futebol. Kaká, porém, optou por ir para o Real Madrid, por não achar que era o momento certo de ir para o futebol inglês.

PRESENTE DE GREGO

Rivaldo quase foi para o Bolton (Foto: Divulgação/AC Milan)

Em baixa na carreira, após não conseguir se destacar no Milan, Rivaldo quase foi para o Bolton, em 2004. Os Trotters viviam grande fase na Premier League e saíram na frente pela contratação do atacante. O brasileiro, porém, optou ir para o Olympiakos, da Grécia.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade