0

Sampaoli diz que Bruno quer ficar; Santos se reaproxima do Flamengo

Treinador argentino diz ter tido uma conversa positiva com o camisa 11 do Peixe. Enquanto isso, diretoria alvinegra se reaproxima do Rubro-Negro e saída não está descartada

18 jan 2019
12h14
atualizado às 12h14
  • separator
  • 1
  • comentários

Enquanto o técnico argentino Jorge Sampaoli torce pela permanência de Bruno Henrique, a diretoria do Santos trabalha por uma reaproximação ao Flamengo. Não está descartada a venda do atacante de 28 anos. O treinador, durante entrevista coletiva nesta sexta-feira, no CT Rei Pelé, disse ter tido uma conversa sincera com o atacante, na qual ouviu de Bruno o desejo em ficar no Alvinegro.

Bruno Henrique pode se juntar a Gabigol e Arrascaeta no Flamengo nas próximas horas (Ivan Storti/Santos FC)
Bruno Henrique pode se juntar a Gabigol e Arrascaeta no Flamengo nas próximas horas (Ivan Storti/Santos FC)
Foto: Lance!

O Rubro-Negro havia desistido da contratação do camisa 11 santista depois de uma exigência de última hora do Alvinegro, subindo seis milhões a pedida inicial. Mas, ciente da necessidade financeira, o Peixe se reaproximou do time da Gávea para ajustar as exigências, segundo pessoas próximas à negociação.

- A situação de Bruno segue como uma novela. Não temos claro. Tomara que fique, está treinando para jogar e sua intenção é ficar. A intenção manifestada para o Bruno é ficar. Quem duvida da permanência não pode ser citado. Eu converso com Bruno Henrique. Ele veio até mim, disse que está feliz pelo estilo de jogo, com a forma de jogar do Santos, que se acomoda bem - disse Sampaoli, e seguiu:

- Mas há realidades que têm a ver com interesses. Interesses econômicos ultrapassam do jogo, do empresário com muito dinheiro, com dinheiro dando volta na cabeça dos garotos. Isso pode mudar de um dia para o outro. Lamentavelmente, o dinheiro está por cima hoje no futebol - completou, lembrando que as conversas entre Santos é Flamengo é "de dirigente para dirigente" apenas.

Nesta semana, o vice-presidente de futebol do Flamengo, Marcos Braz, anunciou a desistência rubro-negra da negociação por Bruno. Mas, mesmo após jogar publicamente a toalha, o clube da Gávea manteve-se em contato com o Alvinegro.
Bruno é um pedido de Abel Braga à diretoria flamenguista e esteve empolgado com a possibilidade de transferência no começo do mês. Neste momento, o jogador está incomodado com a indefinição da situação e espera pela resolução rápida. Seu contrato com o Santos vai até 31 de janeiro de 2021.

O Cruzeiro é outro que esteve na briga para levar Bruno Henrique, desejo antigo do clube mineiro. A Raposa cogitou ceder 50% dos direitos econômicos de Raniel, de 21 anos, mais R$ 10 milhões. O Peixe, por sua vez, além de Raniel, pediu R$ 20 milhões para fechar o negócio. O Cruzeiro não aceitou e, assim, a negociação esfriou. O Peixe sempre tratou a oferta flamenguista como prioridade, já que precisa encher o cofre.

Lance!
  • separator
  • 1
  • comentários
publicidade