4 eventos ao vivo

Com Vinicius Jr., Real goleia Viktoria Plzn; Roma bate CSKA

Vinicius Jr. entra no 2º tempo e dá passe para gol marcado por Kroos; Manolas e Pellegrini anotaram os gols da vitória por 2 a 1, em Moscou

7 nov 2018
17h55
atualizado às 20h24
  • separator
  • comentários

Mesmo passando por um susto nos minutos iniciais, o Real Madrid dominou a partida em praticamente todo o tempo e conseguiu derrotar o Viktoria Plzen por 5 a 0, nesta quarta-feira, em duelo válido pela terceira rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões. Os gols foram marcados por Benzema, em duas oportunidades, Casemiro, Gareth Bale e Toni Kroos.

Com esse resultado, o Real Madrid ultrapassou a Roma, igualando os 9 pontos conquistados, mas vencendo nos critérios de desempate, e alcançou a liderança do Grupo G da principal competição de clubes do mundo. O próximo compromisso dos Merengues será justamente contra a equipe italiana, no Estádio Olímpico, no dia 27 de novembro.

Brasileiro fez sua estreia na Liga dos Campeões (Foto: AFP)
Brasileiro fez sua estreia na Liga dos Campeões (Foto: AFP)
Foto: LANCE!

O Viktoria Plzen, por sua vez, permanece com um ponto e está fora da disputa por uma vaga nas oitavas de final da Liga dos Campeões, podendo sonhar com apenas a terceira colocação, que dá vaga na Liga Europa. Os tchecos retornam a campo também no dia 27 de novembro, para enfrentar o CSKA, em Moscou.

COMEÇO ANIMADOR DOS TCHECOS

Apesar da disparidade técnica entre as equipes, o Viktoria Plzen teve um começo melhor na partida. Por meio de muitos chutes de média distância, a principal chance da equipe tcheca surgiu de um escanteio, quando Hrosovsky jogou a bola para o meio da área e Nacho desviou com sua cabeça na direção de sua própria meta, acertando o travessão.

REAÇÃO MADRILENHA

Quando o Real Madrid passava por um período de melhora dentro de campo, brilhou a estrela de Karim Benzema: aos 20 minutos, o francês invadiu a área pelo lado esquerdo, passou por alguns marcados através de toques curtos na bola até ajeitar seu corpo e finalizar com uma batida colocada, estufando o fundo das redes com um belo gol.

Três minutos depois, a equipe espanhola dobrou sua vantagem quando Toni Kroos cobrou um escanteio na cabeça de Casemiro que, completamente livre, subiu no terceiro andar para cabecear sem chance de defesa para o goleiro Hruska. Em seu 50º jogo pela Liga dos Campeões, o volante brasileiro foi recompensado com um gol.

GOLEADA CONFIRMADA NO PRIMEIRO TEMPO

Após os gols, o Real Madrid tomou conta da partida, dominando em todos os aspectos. Depois de uma saída por escanteio curto, Dani Ceballos cruzou a bola na cabeça de Bale, que desviou para Karim Benzema completar para o fundo das redes e marcar seu segundo gol na partida. Poucos minutos depois, seria a vez do galês deixar seu nome na história da partida, aproveitando um cruzamento feito pelo atacante francês com um chute de primeira com sua perna esquerda, dando números finais à primeira etapa.

VINICIUS JR. DÁ PASSE PARA LINDO GOL DE KROOS

Aos 17 minutos do segundo tempo, Benzema deu lugar a Vinicius Junior, que fazia sua estreia em jogos pela Liga dos Campeões. Em um de seus primeiros toques em campo, o brasileiro arrancou em contra-ataque e tocou para Toni Kroos que, com um lindo toque por cobertura, aumentou o placar para 5 a 0.

 Roma bate o CSKA e se aproxima da vaga nas oitavas

A Roma assumiu a liderança isolada do Grupo G da Liga dos Campeões. Na capital russa, os Giallorossi bateram o CSKA Moscou por 2 a 1. Manolas e Pellegrini fizeram os gols dos italianos, com Sigurdsson descontando.

A nota triste ficou por conta da lesão de Mario Fernandes, que levou uma joelhada na cabeça e teve que sair de maca no início do jogo. Ainda nesta quarta-feira, o Viktoria Plzen recebe o Real Madrid no complemento da chave.

Jogadores comemoram o gol de Manolas, o primeiro da Roma (Foto: Alexander Nemenov / AFP)
Jogadores comemoram o gol de Manolas, o primeiro da Roma (Foto: Alexander Nemenov / AFP)
Foto: LANCE!

O resultado deixa a Roma com nove pontos, três a mais que o Real Madrid. O CSKA estaciona nos quatro. Já o Viktoria Plzen tem apenas um.

Fora de casa, a Roma tratou logo de mostrar a que veio. Com apenas quatro minutos, abriu o placar. Pellegrini bateu escanteio, Akinfeev saiu mal e Manolas marcou. Aos dez, um lance que preocupou a todos em Moscou. O brasileiro naturalizado russo Mario Fernandes, caído, acabou levando uma joelhada na cabeça.

Desacordado, saiu de maca do campo.Atrás do marcador, o CSKA foi para frente e tentou buscar o empate. Mas esbarrava na boa marcação imposta pelo time de Eusebio Di Francesco, que tinha N'Zonzi e Cristante na proteção. Dzeko ficou um pouco isolado durante a primeira etapa.

Na volta do intervalo, o CSKA chegou ao empate. Após passe para a área, Santon cortou mal e Sigurdsson bateu no cantinho, sem chances para Olsen. A pressão russa, contudo, logo sofreu um baque. Magnusson derrubou Justin Kluivert na entrada da área e acabou levando o segundo cartão amarelo, indo mais cedo para o chuveiro.

A vantagem numérica logo deu resultado para a Roma. Três minutos após a expulsão, Cristante tentou o chute e a bola parou à feição para Pellegrini fazer o segundo, garantindo a vitória dos italianos.

Veja também:

LANCE!

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade