PUBLICIDADE

Presidente do PSG afirma: 'O futebol é um esporte para todos'

No entanto, Nasse Al-Khelaifi afirmou que há uma necessidade de mudança na estrutura do futebol e que Uefa deu um passo com nova proposta para a Champions League

20 abr 2021
10h44 atualizado às 11h00
0comentários
10h44 atualizado às 11h00
Publicidade

Após ser reeleito para o Comitê Executivo da Uefa, Nasser Al-Khelaifi, presidente do Paris Saint-Germain, afirmou que o futebol é um esporte democrático. No entanto, o mandatário afirmou que sua estrutura precisa passar por modificações e que a proposta apresentada de um novo modelo para a Champions League é um passo.

PSG, de Nasser Al-Khelaifi, se recusou a fazer parte da Superliga (Foto: Fabrice Coffrini / AFP)
PSG, de Nasser Al-Khelaifi, se recusou a fazer parte da Superliga (Foto: Fabrice Coffrini / AFP)
Foto: Lance!

- O PSG tem a convicção de que o futebol é um esporte para todos. Há uma necessidade clara de mudar o modelo de competição existente da Uefa e a proposta apresentada na última segunda (sobre o novo formato da hampions League) é um passo nesta direção. Acreditamos que qualquer proposta sem o apoio da entidade não resolve os problemas enfrentados atualmente e que é motivada por interesses pessoais.

O clube francês, assim como Bayern de Munique e Borussia Dortmund, se recusaram a fazer parte da Superliga Europeia em um primeiro momento. O novo torneio anunciado pelos 12 clubes fundadores não saiu do papel e sofre forte pressão de atletas, entidades e torcedores.

Lance!
Publicidade
Publicidade