PUBLICIDADE

Presidente da Uefa celebra recuo do Manchester City à Superliga: 'Satisfeito por recebê-los de volta'

Em nota, dirigente disse que clube acertou em ouvir a voz de seus torcedores e parabenizou a equipe inglesa pela coragem 'para admitir um erro'

20 abr 2021
18h58 atualizado às 18h58
0comentários
18h58 atualizado às 18h58
Publicidade

Após o Manchester City ser o primeiro clube a oficializar a desistência da Superliga Europeia, o presidente da Uefa, Aleksander Ceferin, comemorou a atitude do clube. Em nota, o dirigente disse que a decisão do clube inglês foi acertada, principalmente por escutar seus torcedores.

Manchester City foi o primeiro dos 12 clubes a desistir da Superliga Europeia (Foto: AFP)
Manchester City foi o primeiro dos 12 clubes a desistir da Superliga Europeia (Foto: AFP)
Foto: Lance!

- Estou muito satisfeito por receber o Manchester City de volta à família do futebol europeu. Eles mostraram grande inteligência ao escutar as muitas vozes, especialmente a de seus torcedores, que articularam os benefícios vitais do atual sistema para todo o futebol europeu - disse Ceferin.

O presidente da entidade europeia ainda engradeceu o semifinalista da Champions, e disse que "é preciso coragem para admitir um erro".

- Como disse no Congresso da Uefa, é preciso coragem para admitir um erro, mas nunca duvidei que tivessem a capacidade e o bom senso para tomar essa decisão - completou.

Lance!
Publicidade
Publicidade