0
Logo do Corinthians
Foto: Daniel Augusto Jr / Agência Corinthians

Corinthians

Gabriel comemora boa fase no Timão: 'Fiz a melhor escolha da minha vida'

9 ago 2017
12h51
atualizado às 12h51
  • separator
  • comentários

O volante Gabriel celebrou a boa fase que vive no Corinthians. Contratado no início do ano, já chegou como titular absoluto e é o jogador de linha que participou de mais jogos, com 47, ao lado de Jô.

A adaptação rápida faz até muita gente esquecer que Gabriel defendia o rival Palmeiras em 2016. Em entrevista coletiva após o treino desta quarta-feira, o volante voltou a comentar sobre a mudança de clube e disse que "fez a melhor escolha da vida".

- Não é muito tranquila (a mudança de clube). Entendemos os torcedores de ambas as partes, é uma rivalidade muito grande, sabia que ia ter essa pressão. Mas encarei com tranquilo, confiei no meu trabalho e potencial, e aceitei o desafio. Estou muito feliz, tenho convicção total de que fiz a melhor escolha da minha vida, foi na hora certa na minha carreira, e hoje estou em um clube que me recebeu de braços abertos. Estou procurando corresponder com muita vontade, trabalho e dedicação dentro e fora de campo - afirmou Gabriel.

Além de ter virado titular absoluto da equipe, o volante já conquistou o Paulistão e agora vê o Corinthians liderar o Brasileirão. O próprio jogador admitiu que esse bom início foi surpreendente e confia no título nacional.

- Fico feliz em estar nesse caminho na minha carreira. Lógico que sempre queremos disputar títulos, é importante, mas não esperamos. Trabalhamos para isso, mas sabemos que é difícil. Para quem trabalha com humildade e competência as dão certo. Acredito que o Corinthians está no caminho certo para ser campeão. Faltam muitos jogos ainda, tem muita coisa para acontecer, mas vamos brigar para ser campeão com certeza - disse Gabriel.

O volante também comentou sobre o ambiente extracampo no Corinthians. Na última terça, por exemplo, comissão técnica, jogadores e diretoria participaram de um churrasco no CT Joaquim Grava. Durante a confraternização, alguns atletas chegaram a cantar, como Jadson e Fellipe Bastos, e Gabriel brincou com a situação.

- A confraternização sempre tem, é importante para o grupo, é um marco aqui no Corinthians de fazer esses churrascos. Esses momentos nossos são importantes, somos pessoas normais. Vínhamos em uma sequência muito grande, sem tempo para dar uma relaxada assim. Brincamos entre a gente, teve pagode, sertanejo, um ou outro tentava cantar uma música, mas ainda bem que somos jogadores, porque na música está difícil. Já esse momento com torcedores que nos visitam no CT é importante, estamos com essa liga entre jogadores e torcedores, e nos dá mais força para continuar. Não é isso que vai nos relaxar, e sim nos deixar mais atento para a sequência - afirmou o volante, que também se arriscou a cantar no churrasco da última terça.

- Tentei cantar um pouquinho, falaram que eu fui bem, mas não gostei muito da atuação. Estamos todos juntos, dando risada, no momento estava bom para todo mundo - brincou.

Como o jogo contra a Chapecoense foi adiado, o Corinthians só volta a campo no próximo dia 19, diante do Vitória, na Arena, pela 21ª rodada do Brasileirão. O Timão lidera o campeonato com oito pontos de vantagem para o Grêmio, segundo colocado.

LANCE!

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade