1 evento ao vivo

CR7 dependência? Especialistas comentam a péssima temporada do Real após a saída do craque

Desempenho e número de títulos dos merengues caíram depois do craque se transferir para a Juventus. Jornalistas da Espanha falaram sobre a ausência do português no clube

29 mai 2019
08h58
atualizado às 11h51
  • separator
  • 0
  • comentários

Há quase um ano Cristiano Ronaldo deixava o Real Madrid rumo a Juventus, onde conquistou o título do Italiano. No entanto, se o português continuou a somar bons números e conquistar taças, o mesmo não pode se dizer do ex-clube do português. Os merengues fizeram uma de suas piores temporadas desde 2009/2010, época da chegada de CR7. O LANCE! conversou com jornalistas da Espanha, que comentaram sobre o peso da ausência de Cristiano.

Parcela de "culpa" na ausência do português
Em junho de 2009, Cristiano estava sendo anunciado como reforço do Real Madrid, que o comprou do Manchester United. Desde então, as temporadas do clube foram recheadas de títulos e bom desempenho. Apenas na temporada de estreia do português, em 2009/2010, o clube teve um desempenho tão ruim quanto o da época atual. Virtudes Sanchéz, jornalista do 'Marca', na Espanha, falou sobre o péssimo momento do clube.

- Não acho que a temporada ruim foi apenas por conta da ausência de Cristiano. Foi em torno de uns 70%, mas não tudo. O desempenho de outros grandes jogadores contribuiu para esse mau momento. Ninguém esperava uma temporada tão fraca do Kroos, ou do próprio Modric, que havia sido o melhor do mundo. A ausência do CR7, junto com a falta de um substituto para ele, mais esse rendimento ruim dos craques culminou nisso - disse ao L!

No período em que esteve no clube, o português foi o maior artilheiro do time em todos os Campeonatos Espanhóis que disputou, com exceção da temporada de estreia, com pelo menos 25 gols. Benzema foi o maior goleador desta temporada sem Cristiano, com 21. Nesta edição da La Liga, o Real teve o menor número de vitórias desde a chegada de Cristiano, 21, e também o menor número de gols marcados, com 63. Fernando Kallás, do jornal 'As', também falou sobre o assunto:

- A saída do Cristiano Ronaldo foi importante para essa má temporada do Real, claro. Mas a saída de Zidane ao fim da última época também foi. No fim das contas, o que vimos foi um fim de ciclo. E será um erro se o Zidane não entender que o clube precisa de uma reformulação. Cristiano que decidiu sair do time, faz falta, mas o Real Madrid é muito maior do que qualquer jogador - analisou Kallás.

Cristiano Ronaldo marcou época no Real Madrid e tem 450 gols pelo time merengue (AFP)
Cristiano Ronaldo marcou época no Real Madrid e tem 450 gols pelo time merengue (AFP)
Foto: Lance!

CR7 conquistou quatro Champions pelo Real (GERARD JULIEN/AFP)

Bastidores da saída do craque
Cristiano Ronaldo é um dos maiores da história do Real Madrid e deixou saudades em todos os torcedores. Contudo, ao final do seu período na equipe, o português começou a apresentar alguns problemas de relacionamento, com jogadores da equipe e com o presidente Florentino Pérez. O jogador teve alguns problemas com impostos no país e exigiu que o Real os resolvesse, o que não foi bem visto pelo clube.

- O Real Madrid abriu as portas para ele sair por conta de alguns problemas internos, pela idade, visando renovação no elenco. A torcida culpou Florentino Pérez pela saída do português, mas Cristiano estava sendo bem egoísta com os colegas de grupo e teve alguns problemas com impostos na Espanha. Ele é muito especial na história, mas o clube maior do que qualquer jogador - revelou a jornalista.

Projeção do Real para próximas temporadas
Para substituir o ídolo, o Real Madrid contratou Mariano Díaz, que usou a camisa 7 de Ronaldo, mas não teve o desempenho esperado. O clube contou também com a chegada de Vinicius Junior, mas ainda muito jovem, o brasileiro ainda não brilhou com muitos gols. O clube está próximo da contratação de Hazard para a próxima temporada e especulam-se outros nomes como Mbappé ou Neymar. A jornalista disse que a equipe necessita de uma renovação.

- Os merengues precisam de uma renovação não só no elenco, mas também na mentalidade dos jogadores. A torcida ficou irritada com a postura e falta de comprometimento dos grandes atletas. Por isso, apenas os jovens foram 'salvos' pelos fãs ao fim da temporada, como Vinícius Júnior, Reguillón, Llorente. Esses se entregavam quando estavam em campo. O Real Madrid precisa também, urgentemente, de um atacante goleador - encerrou Virtudes.

Temporadas de Cristiano com a camisa do Real
2009/10: Nenhum título
2010/11: Copa do Rei
2011/12: La Liga
2012/13: Supercopa da Espanha
2013/14: Copa do Rei, Champions
2014/15: Supercopa da Uefa, Mundial
2015/16: Champions
2016/17: La Liga, Champions, Supercopa da Uefa, Mundial
2017/18: Champions, Supercopa da Uefa, Supercopa da Espanha, Mundial

CR7 é um dos maiores da história do Real (MARCO BERTORELLO/AFP)

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade