0

Coritiba define o primeiro reforço, mas deve negociar o artilheiro

Enquanto Felipe Mattioni chega ao Coxa, o atacante Guilherme Parede deve deixar o clube

18 dez 2018
11h39
atualizado às 11h39
  • separator
  • comentários

Como era esperado, os últimos dias do ano estão sendo agitados no Coritiba. O clube definiu a primeira contratação para 2019: trata-se do lateral Felipe Mattioni, que disputou a Série B pelo Juventude. Por outro lado, o atacante Guilherme Parede, artilheiro do Coxa em 2018, está sendo procurado por outros times.

Guilherme Parede marcou 12 gols em 2018 (Foto: Divulgação/Coritiba)
Guilherme Parede marcou 12 gols em 2018 (Foto: Divulgação/Coritiba)
Foto: Lance!

Há pelo menos três clubes em conversas com o Coritiba e com o empresário do jogador para contratar Guilherme Parede. Com o agente do atleta, o Internacional já apresentou proposta oficial e agradou. Resta agora um acordo do Colorado com o Coxa.

Por ter permanecido na Série B do Campeonato Brasileiro, a situação financeira do Coritiba preocupa para 2019. Por isso, a ideia do clube é fazer dinheiro com Guilherme Parede, principal destaque do time em 2018. O Coxa pode até aceitar jogadores em troca para diminuir o valor, mas dificilmente aceitará uma proposta envolvendo somente nomes.

Além do Internacional, outras duas equipes estão interessadas em Parede. Uma delas é o Fluminense. Já a outra o nome ainda é mantido em sigilo pelas partes envolvidas nas conversas.

Enquanto negocia a possível saída de Guilherme Parede, o Coritiba segue no mercado em busca de contratações. E a primeira já está definida: trata-se do lateral Felipe Mattioni, de 30 anos, que jogou a Série B pelo Juventude. Além do clube gaúcho, o atleta já passou por Grêmio, Milan-ITA, Espanyol-ESP e Everton-ING.

Lance!

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade