2 eventos ao vivo

Comitê revela nova tocha olímpica sustentável para Tóquio-2020

Comitê Organizador Local lançou a nova tocha e divulgou itinerário de revezamento ; acendimento será realizado na Grécia, no dia 12 de março de 2020

20 mar 2019
17h42
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Faltam 500 dias para o início dos Jogos Olímpicos de Tóquio, em 2020, e como forma de celebrar a marca, o comitê organizador local divulgou a nova tocha olímpica, feita de maneira totalmente sustentável.

Charly Triballeau/AFP
Charly Triballeau/AFP
Foto: Lance!

O formato do objeto é inspirado numa flor de cerejeira, árvore símbolo do Japão. O desenho da tocha foi feito por Tokujin Yoshioka, designer, arquiteto e artista japonês. A peça foi feita de alumínio reciclável, pesa cerca de 1,2kg e tem 71 centímetros de comprimento. O material já havia sido utilizado na construção de casas após o tsunami que afetou a cidade de Fukushima.

- A confecção da tocha incorpora a paixão por reconstrução e a consideração pela sustentabilidade - disse o comitê organizador em nota oficial.

A tocha será acesa no dia 12 de março de 2020, na cidade de Olímpia, na Grécia. Ela fica na Europa até o dia 19 de março, quando embarca para o início do revezamento no Japão. Serão 121 dias de corrida com a tocha até a abertura oficial dos Jogos Olímpicos, no dia 24 de julho, no Estádio Nacional de Tóquio.

Programação do revezamento da tocha olímpica:
12 de março de 2020 - Cerimônia de acendimento da chama olímpica - Olímpia/Grécia
12 a 19 de março de 2020 - Revezamento na Grécia
19 de março de 2020 - Entrega da tocha olímpica - Atenas/Grécia
20 de março de 2020 - A chama chega na base aérea de Matsusima, na prefeitura de Miyagi, e será colocada para exibição do Minamihama Tsunami Recovery Memorial Park, na cidade de Ishinomaki, por cinco dias
26 de março de 2020 - Início do revezamento dentro do Japão

Ordem das cidades japonesas que receberão o revezamento da tocha:
1 - Fukushima - 26 a 28 de março de 2020
2 - Tochigi - 29 a 30 de março
3 - Gunma - 31 de março a 1º de abril
4 - Nagano - 2 a 3 de abril
5 - Gifu- 4 a 5 de abril
6 - Aichi - 6 a 7 de abril
7 - Mie - 8 a 9 de abril
8 - Wakayama - 10 a 11 de abril
9 - Nara - 12 a 13 de abril
10 - Osaka - 14 a 15 de abril
11 - Tokushima - 16 a 17 de abril
12 - Kagawa - 18 a 19 de abril
13 - Kochi - 20 a 21 de abril
14 - Ehime - 22 a 23 de abril
15 - Oita - 24 a 25 de abril
16 - Miyazaki - 26 a 27 de abril
17 - Kagoshima - 28 a 29 de abril
18 - Okinawa - 2 a 3 de maio
19 - Kumamoto - 6 a 7 de maio
20 - Nagasaki - 8 a 9 de maio
21 - Saga - 10 a 11 de maio
22 - Fukuoka - 12 a 13 de maio
23 - Yamaguchi - 14 a 15 de maio
24 - Shimane - 16 a 17 de maio
25 - Hiroshima - 18 a 19 de maio
26 - Okayama - 20 a 21 de maio
27 - Tottori - 22 a 23 de maio
28 - Hyogo - 24 a 25 de maio
29 - Kyoto - 26 a 27 de maio
30 - Shiga - 28 a 29 de maio
31 - Fukui - 30 a 31 de maio
32 - Ishikawa - 1º a 2 de junho
33 - Toyama - 3 a 4 de junho
34 - Niigata - 5 a 6 de junho
35 - Yamagata - 7 a 8 de junho
36 - Akita - 9 a 10 de junho
37 - Aomori - 11 a 12 de junho
38 - Hokkaido - 14 a 15 de junho
39 - Iwate - 17 a 19 de junho
40 - Miyagi - 20 a 22 de junho
41 - Shizuoka - 24 a 26 de junho
42 - Yamanashi - 27 a 28 de junho
43 - Kanagawa - 29 de junho a 1 de julho
44 - Chiba - 2 a 4 de julho
45 - Ibaraki - 5 a 6 de julho
46 - Saitama - 7 a 9 de julho
47 - Tóquio - 10 a 24 de julho

Veja também:

LANCE! mostra 20 feras sul-americanas que valem investimento
Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade