1 evento ao vivo

Após postagem polêmica, Bittencourt afasta Celso Barros de viagens do Flu

Medida visa blindar elenco e o Marcão, que se dependesse do vice geral, já teria deixado o cargo de técnico

5 nov 2019
16h28
  • separator
  • 0
  • comentários

A postagem nas redes sociais, feita pelo vice geral Celso Barros, na qual ele culpava Fernando Diniz pelo Fluminense estar no Z4 e se mostrava favorável por mudanças, repercutiu muito mal no Fluminense. Tanto que o presidente Mário Bittencourt tirou o dirigente das próximas duas viagens do time, que enfrenta em sequência, São Paulo, no Morumbi, e Internacional, no Beira-Rio. A informação foi publicada inicialmente pelo site do Globo Esporte.

A medida visa blindar Marcão, já que Celso Barros é a favor da contratação de um novo técnico desde o empate contra a Chapecoense. Além disso, o elenco estaria insatisfeito com o dirigente, que teria respondido a polêmica postagem, dando a entender que os jogadores teriam pena de Diniz no confronto de quinta-feira.

- O que não pode acontecer é o nosso elenco ficar com pena do Diniz. Ele treina o São Paulo. Quem treina o Flu é o Marcão.

Antes unidos, Mário e Celso estão em rota de colisão (Divulgação/Armando Paiva)
Antes unidos, Mário e Celso estão em rota de colisão (Divulgação/Armando Paiva)
Foto: Lance!

(Foto: Reprodução/Instagram)

A turbulência política no Fluminense foi tema na entrevista coletiva do volante Yuri. Na avaliação do jogador, esses problemas não vão entrar em campo.

- Acho que não desestabiliza. Estamos preocupados dentro de campo. Esse problema de fora, eles que resolvem. a gente está fechado com o Marcão e isso não vai atrapalhar o nosso rendimento não - avaliou Yuri, que reforçou o apoio ao Marcão.

- Se o técnico é mandado embora, é culpa é dos jogadores. Por isso, nos abalamos. É do futebol, infelizmente. No Brasil, se não tem resultado sobra para o treinador. A gente não pode pensar nisso. Temos que trabalhar todos os dias para ir para o jogo e jogar da melhor forma possível. Hoje, ele é o treinador do time. Por isso, estamos fechados com ele. - finalizou.

Sem vencer há cinco jogos, o Fluminense se encontra dentro da zona de rebaixamento, ocupando a 17ª posição, com 31 pontos, dois a menos que o Cruzeiro. Quinta-feira o time enfrenta o São Paulo, no Morumbi.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade