3 eventos ao vivo

Após 'falso positivo', Dedé testa positivo para Covid-19 em Abu Dhabi

O treinador, que seria córner de Ketlen Vieira, foi encaminhado a um outro hotel, fora da bolha do Ultimate que é sediada na Yas Island, e terá que ficar 14 dias de quarentena.

24 set 2020
15h56
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Dedé Pederneiras, que iria acompanhar Ketlen Vieira no combate contra Sijara Eubanks, pelo UFC 253, no próximo sábado (26), testou positivo para o novo coronavírus na chegada à "Ilha da Luta", em Abu Dhabi (EAU). O treinador foi encaminhado a um outro hotel, fora da bolha do Ultimate que é sediada na Yas Island, e terá que ficar 14 dias de quarentena. A peso-galo terá apenas Marcos Loro em seu córner no confronto com a americana.

Dedé Pederneiras testou positivo para o novo coronavírus em Abu Dhabi (Foto: Yago Rédua/TATAME)
Dedé Pederneiras testou positivo para o novo coronavírus em Abu Dhabi (Foto: Yago Rédua/TATAME)
Foto: Lance!

Como Ketlen e Dedé viajaram para Abu Dhabi em voos diferentes, o UFC não cogitou retirá-la do card. Nas redes sociais, o técnico da Nova União explicou que maio testou positivo para o novo coronavírus, mas chegou a conclusão que foi "falso positivo".

Dedé contou que fez outros dois testes depois do resultado positivo e ambos deram negativos. Mas, ainda assim, ficou na dúvida. Agora, com os exames em Abu Dhabi, teve a certeza que o primeiro diagnóstico positivo foi errado. O técnico disse ainda que sentiu alguns sintomas, como dor de cabeça e febre, mas pensou que fosse pelo longo trajeto até os Emirados Árabes Unidos. No momento, ele passa bem.

- Chegando em Abu Dhabi, fiz teste para Covid no hotel que o UFC hospeda seus atletas e fui para o meu quarto dormir. No dia seguinte, recebi a notícia de que meu teste tinha dado positivo. Depois disso, já fiz outros dois testes que confirmaram o resultado, o que provavelmente significa que o resultado do teste que fiz em maio foi um falso positivo. Neste momento estou me sentindo bem, cumprindo o isolamento em um hotel-hospital do governo de Abu Dhabi, onde precisarei permanecer por 14 dias - explicou Dedé.

Veja também:

Saiba o destino dos "Novos Pelés" do futebol
Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade