PUBLICIDADE

Jogos Pan-Americanos

Brasil vive dia sem medalhas de ouro e permanece no quarto lugar do quadro do Pan

26 out 2023 - 23h58
Compartilhar
Exibir comentários

O Brasil segue aumentando a coleção de medalhas dos Jogos Pan-Americanos de 2023. Nesta quinta-feira, a delegação conquistou cinco medalhas, sendo uma de prata e quatro de bronze, e permaneceu na quarta posição no quadro geral de conquistas do torneio que está acontecendo em Santiago, no Chile.

A Seleção feminina de vôlei ficou com a medalha de prata depois de ser superada pela República Dominicana na final. Já os atletas que conquistaram a medalha de bronze foram: Viviane Pereira (boxe feminino até 75kg), Luiz Oliveira (boxe masculino até 57kg), Yuri Falcão (boxe masculino até 63,5kg) e Felipe Wu (tiro esportivo pistola de ar 10m)

Dessa forma, o Brasil, com 66 medalhas, fica atrás dos Estados Unidos (139), México (70) e Canadá (83). Para a delegação brasileira são 14 de ouro, 25 de prata e 27 de bronze.

Vagas nas Olimpíadas de Paris 2024

Também nesta quinta-feira, o Brasil conseguiu mais seis vagas nos Jogos Olímpicos de Paris, que acontece no próximo ano, todas no boxe. Os atletas ainda buscam a medalha de ouro nas disputas que se seguem.

Na categoria até 50kg feminino, a boxeadora Caroline Almeida avançou à decisão e conquistou a vaga. Além dela, Tatiata Chagas também se garantiu em Paris, na categoria até 54kg. Bárbara Santos (até 66kg) também sarimbou o passaporte para as Olimpíadas.

No maculino, Keno Marley (até 92kg) também fará parte da delegação brasileira na França. Além dele, Michael Trindade, na categoria até 51kg, e Abner Teixeira, acima de 92kg, se garantiram nos Jogos Olímpicos.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Compartilhar
Publicidade
Seu Terra












Publicidade