PUBLICIDADE

Hwang Ui-Jo faz 3, Coreia do Sul goleia Honduras e avança

Hondurenhos ainda tiveram uma expulsão no primeiro tempo

28 jul 2021 07h26
| atualizado às 07h43
ver comentários
Publicidade

Nesta quarta-feira (28), a Coreia do Sul goleou Honduras pelo placar de 5 a 0 e sacramentou a sua vaga para as quartas de final dos Jogos Olímpicos. Os asiáticos foram superiores por todo tempo, chegando a abrir dois gols de vantagem quando o confronto esteve 11 contra 11. Com a expulsão de Carlos Melendez ainda no primeiro tempo, ficou ainda mais difícil para os hondurenhos.

Hwang Ui-Jo marcou três vezes na goleada da Coreia do Sul diante de Honduras nesta quarta-feira pelos Jogos Olímpicos de Tóquio Hannah Mckay/Reuters
Hwang Ui-Jo marcou três vezes na goleada da Coreia do Sul diante de Honduras nesta quarta-feira pelos Jogos Olímpicos de Tóquio Hannah Mckay/Reuters
Foto: Hannah Mckay / Reuters

Com o resultado, os coreanos avançam para as quartas de final e aguardam o 2º colocado do Grupo A, que deve sair entre México, França e Japão.

Coreia com tudo

A Coreia do Sul começou com tudo no ataque, pressionando a saída e acelerando passes. Assim, acabou acertando o travessão e tendo um pênalti a seu favor logo no início. Em ótima jogada individual, Lee Dong-jun foi puxado na área. Hwang Ui-Jo abriu o placar.

Aos 17', após puxão na área e muita reclamação dos dois lados, o árbitro marcou pênalti. Na cobrança, Won Du-Jae chutou no meio do gol e fez o segundo gol da Coreia do Sul. Mesmo após o segundo gol, os asiáticos continuaram no ataque e chegaram em um escanteio e lançamento, mas faltou capricho.

Expulsão e terceiro gol

Mesmo com o revés, a equipe centro-americana não desistiu e fez ótimo jogada com Reyes, que recebeu na direita e arrematou com perigo. Em seguida, o Rodríguez aproveitou rebote de escanteio, pegou de primeiro e chutou para fora, assim como Reyes, da entrada da área.

Aos 39', após saída de bola errada, Carlos Melendez fez falta e por ser o último homem, foi expulso direto, mesmo já tendo cartão amarelo, desfalcando Honduras. Com um a mais, os coreanos mandaram mais uma bola no travessão e no lance seguinte, Young-Woo cruzou, o goleiro rebateu mal e Hwang Ui-Jo aproveitou para fazer o terceiro.

Pintou goleada

Na volta do intervalo, a Coreia começou com o mesmo ímpeto, buscando ampliar ainda mais o seu marcador. Huang Ui-Jo recebeu belo cruzamento e foi derrubado por Melendez. O árbitro foi chamado pelo VAR para rever o lance e marcou o pênalti para os coreanos. Na cobrança, Hwang Ui-Jo cobrou seguro, no alto, o goleiro até acertou o canto, mas não impediu o quarto gol.

Aos 10', Chang-Hoon quase ampliou em cobrança de falta pelo chão. Aos 17', após ótima trama no campo ofensivo, a bola rodou toda a área e sobrou para Jin-Ya bateu colocado, no ângulo e fazer o quinto.

Em ótima jogada pela direita, Ying-Woo acertou ótimo passe para Won-Sang que triscou a trave. Honduras teve uma chance perigosa, mas Alvares cabeceou fraquinho. Aos 31', Kang-In arrematou bonito de fora da área e fez o sexto gol asiático.

FICHA TÉCNICA DA PARTIDA

COREIA DO SUL 6 x 0 HONDURAS

Local: Estádio Yokohama Internacional, Yokohama-JAP

Data/horário: 28 de julho de 2021, às 5h (horário de Brasília)

Gols: Hwang Ui-Jo (12'/1T) (1-0), Won Du-Jae (19'/1T) (2-0), Hwang Ui-Jo (50'/1T) (3-0), Hwang Ui-Jo (7'/2T) (4-0), Jin-Ya (19'/2T) (5-0) Lee Kang-In (31'/2T) (6-0)

Cartões amarelos: Carlos Meléndez, Jonatan Núnez, Christopher Melendez (Honduras), Lee Kang-In (Coreia do Sul)

Cartões vermelhos: Carlos Meléndez (Honduras)

COREIA DO SUL: Song Bum-Keun; Seol Young-Woo; Park Ji-Su; Jeong Tae-Wook e Won Du-Jae (Kim Dong-Hyun 28/'2T); Kim Jing-Yu, Kim Jin-Ya, Kang Yoon-Seong (Kim Jae-Woo 12'/2T); Kwon Chang-Hoon (Lee Dong-Gyeong 28'/2T) e Lee Dong-Jun (Um Won-Sang 1'/2T); Hwang Ui-Jo (Lee Kang-In 12'/2T). Técnico: Hak Beom Kim.

HONDURAS: Guity; Casildo, Maldonado, Meléndez e Decas; Reyes, Pineda (Rivas - Intervalo), Núnez e Palma (Christopher Melendez 40'/1T); Rodríguez (Jorge Alvarez 25'/2T) e Martínez (Brayan Mota - Intervalo). Técnico: Miguel Falero.

Lance!
Publicidade
Publicidade