PUBLICIDADE

Canoagem: Ana Sátila comete erro grave e fica fora do pódio

Brasileira não passou por uma das portas na final da canoagem slalom C1 e recebeu uma grande punição, terminando a prova na última colocação

29 jul 2021 04h34
| atualizado às 04h48
ver comentários
Publicidade

Depois de fazer o terceiro melhor tempo na semifinal, Ana Sátila não passou por uma das portas na final da canoagem slalom C1 em Tóquio e recebeu uma grande punição, terminando a prova na última colocação da decisão, com a marca de 164.71s.

Ana Sátila nesta quinta-feira durante competição nos Jogos Olímpicos de Tóquio Gaspar Nóbrega/COB
Ana Sátila nesta quinta-feira durante competição nos Jogos Olímpicos de Tóquio Gaspar Nóbrega/COB
Foto: Gaspar Nóbrega / COB

O ouro da categoria ficou para a australiana Jessica Fox, que fechou com o tempo de . A prata foi conquistada pela britânica Mallory Franklin, enquanto o bronze ficou para a alemã Andrea Herzog.

Ana Sátila iniciou sua descida imprimindo um ritmo forte, porém logo teve um toque em uma das primeiras portas, recebendo uma punição de dois segundos. O maior problema, no entanto, foi o fato da brasileira não passar por uma das portas na reta final.

Por conta dessa falha, Ana Sátila recebeu uma punição de 50 segundos. Assim, apesar de ter encerrado sua descida em 112.71s, a brasileira ficou com a marca de 164.71s.

Na semifinal da modalidade, Ana Sátila obteve o terceiro melhor tempo (114.27s) dentre as 18 competidores, sendo que as dez melhores posicionadas passaram à final.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade