PUBLICIDADE
Logo do

Seleção Italiana

Favoritar Time

Apesar de não ter classificado para a Copa, presidente da federação italiana apoia Mancini

26 mar 2022 10h07
| atualizado às 10h07
ver comentários
Publicidade

O presidente da Federação Italiana de Futebol (FIGC), Gabriele Gravina, mostrou apoio ao técnico Roberto Mancini após a não classificação para a Copa do Mundo. O dirigente quer que o comandante continue no cargo e acredita em uma evolução.

"Espero que Mancini continue conosco", disse Gravina. "Ele tem um compromisso para este projeto. Espero que ele possa esquecer essa eliminação como todos os italianos e que permaneça na vanguarda para continuar nosso trabalho juntos".

A Itália, que não se classificou para o Mundial de 2018, perdeu novamente a chance de disputá-lo depois de sofrer uma derrota por 1 a 0, em casa, para a Macedônia do Norte.

Os Azzurri foram festejados como heróis nacionais depois de vencerem o Campeonato Europeu em julho de 2021, mas a equipe a ser criticada em ficar duas vezes consecutivos do megaevento do futebol.

"Assim como aceitamos os elogios no verão passado, devemos aceitar as críticas que nos chegam, mas devo tentar proteger esta equipe", acrescentou o presidente do FIGC. "Vamos em frente de cabeça erguida. Não devemos perder o entusiasmo do verão passado", finalizou.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade