0

Paraguai e Colômbia empatam e avançam no Sul-Americano

13 mar 2015
23h12
atualizado em 14/3/2015 às 11h25
  • separator
  • comentários

O empate por 1 a 1 entre Paraguai e Colômbia na noite desta sexta-feira, na cidade de Luque, foi bom para ambas as seleções. Jogando no Estádio Feliciano Cáceres, pela última rodada da primeira fase do Sul-Americano sub-17, as equipes conseguiram o ponto de que precisavam para avançarem ao hexagonal final da competição.

Com o resultado, o Paraguai foi a oito pontos na tabela, ultrapassou o Brasil (que tem sete), e se classificou à fase decisiva do torneio continental como líder do Grupo A. Já a Colômbia foi a cinco pontos e empatou com a Venezuela, mas, por ter um gol a mais de saldo, ficou com a vaga para o hexagonal final. A Vinotinto e o Peru estão eliminados.

Paraguai e Colômbia ficaram no empate
Paraguai e Colômbia ficaram no empate
Foto: Andrés Cristaldo / EFE

Buscando mais o campo de ataque, os anfitriões conseguiram abrir o placar logo no início da partida. Aos nove minutos, Jonathan Melgarejo recebeu dentro da área e concluiu para colocar os paraguaios em vantagem. Essa foi a única vez em que as redes balançaram no primeiro tempo, uma vez que o equilíbrio no meio-campo deu o tom do duelo até o intervalo.

Já na segunda etapa, a Colômbia também não tardou a marcar. Aos 11 minutos, a bola bateu na mão de Luis Gimenez dentro da área paraguaia e o juiz assinalou pênalti. Edwin Ariza não desperdiçou a cobrança e igualou o marcador. Bom para ambas as seleções, o empate perdurou até o apito final.

Grupo B praticamente definido

Apesar de ter seus últimos dois jogos neste sábado, o Grupo B já tem seus três classificados praticamente definidos. Equador e Uruguai, que se enfrentam na última rodada, têm nove pontos e não podem ser alcançados por nenhuma outra seleção. No 3º posto com três pontos, a Argentina só pode ser ultrapassada por seu adversário da última rodada, o Chile, que ainda não somou nenhuma unidade na competição. La Roja, no entanto, precisa vencer a Albiceleste por uma diferença de pelo menos quatro gols para igualar o saldo rival e conseguir a classificação nos critérios de desempate. Já a Bolívia, que ocupa a 4ª colocação, não joga mais no torneio, portanto está eliminada.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • comentários
publicidade