0

Ex-diretor-executivo protesta: “a Liga acabou. Eu avisei”

21 jan 2016
18h56
atualizado em 27/1/2016 às 12h58
  • separator
  • comentários

O ex-diretor-executivo da Primeira Liga, Alexandre Kalil, se manifestou nas redes sociais a respeito do encontro realizado nesta quinta-feira entre o atual mandatário do grupo, Gilvan de Pinho Tavares, e o presidente da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj), ocorrida na sede da Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

Em tom de decepção e revolta, Kalil, que presidiu o Atlético-MG de 2008 a 2014, falou em conspiração para sua saída do comando da Primeira Liga e decretou o fim da competição antes mesmo de ela começar. Kalil deixou o cargo de diretor-executivo da Liga Sul-Minas-Rio depois de Gilvan de Pinho Tavares voltar à presidência do grupo.

“É uma pena. Agora, eu entendo claramente por que conspiraram contra mim. A Liga acabou. Eu avisei”, protestou Kalil em sua conta pessoal do Twitter.

É uma pena. Agora, eu entendo claramente por que conspiraram contra mim. A Liga acabou. Eu avisei.

— Alexandre Kalil (@alexandrekalil) 21 janeiro 2016

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • comentários
publicidade